Doria cobra pesquisa e diz que tem potencial maior que o de Tebet

Fábio ZaniniSão Paulo, SP Pré-candidato ao governo de São Paulo, João Doria (PSDB) passou a quarta-feira (18) tentando obter junto ao partido a pesquisa encomendada para decidir quem será o nome da terceira via. Ele sugeriu inclusive que uma cópia fosse enviada à senadora Simone Tebet (MDB-MS), sua rival na disputa entre os partidos, mas sem sucesso. Doria e seus aliados têm questionado a avaliação que foi feita de que ele é menos competitivo que Tebet na eleição presidencial. Como mostrou a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, o tucano argumenta que tem rejeição menor que a da emedebista entre os eleitores que conhecem os dois candidatos. Além disso, ele se baseia numa pesquisa divulgada pelo instituto Quaest nesta quarta-feira (18), que mostra que 51% dos eleitores poderiam votar nele, contra 44% em Tebet. O instituto, no entanto, afirmou em nota no Twitter que a margem de erro nesse recorte é maior do que a diferença apontada. Nesta quarta (18), as Executivas tucana e emedebista encaminharam o abandono da pré-candidatura de Doria e o apoio a Tebet. O tucano, no entanto, avalia judicializar a questão, argumentando que venceu uma prévia realizada no ano passado. O post Doria cobra pesquisa e diz que tem potencial maior que o de Tebet apareceu primeiro em Jornal de Brasília.

Doria cobra pesquisa e diz que tem potencial maior que o de Tebet

Fábio Zanini
São Paulo, SP

Pré-candidato ao governo de São Paulo, João Doria (PSDB) passou a quarta-feira (18) tentando obter junto ao partido a pesquisa encomendada para decidir quem será o nome da terceira via.

Ele sugeriu inclusive que uma cópia fosse enviada à senadora Simone Tebet (MDB-MS), sua rival na disputa entre os partidos, mas sem sucesso.

Doria e seus aliados têm questionado a avaliação que foi feita de que ele é menos competitivo que Tebet na eleição presidencial. Como mostrou a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, o tucano argumenta que tem rejeição menor que a da emedebista entre os eleitores que conhecem os dois candidatos.

Além disso, ele se baseia numa pesquisa divulgada pelo instituto Quaest nesta quarta-feira (18), que mostra que 51% dos eleitores poderiam votar nele, contra 44% em Tebet.

O instituto, no entanto, afirmou em nota no Twitter que a margem de erro nesse recorte é maior do que a diferença apontada.

Nesta quarta (18), as Executivas tucana e emedebista encaminharam o abandono da pré-candidatura de Doria e o apoio a Tebet. O tucano, no entanto, avalia judicializar a questão, argumentando que venceu uma prévia realizada no ano passado.

O post Doria cobra pesquisa e diz que tem potencial maior que o de Tebet apareceu primeiro em Jornal de Brasília.