OAB-ES demite funcionários, cinco salas de apoio são fechadas e classe faz abaixo-assinado

Cinco salas de apoio à advocacia capixaba – localizadas nos Fóruns de Cariacica, Viana, Domingos Martins, Marechal Floriano e Santa Leopoldina – estão fechadas, uma vez que a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Espírito Santo (OAB-ES) demitiu dois funcionários e cinco estagiários que trabalhavam nesses espaços. Sem mão de obra, não é possível The post OAB-ES demite funcionários, cinco salas de apoio são fechadas e classe faz abaixo-assinado appeared first on ESHOJE.

OAB-ES demite funcionários, cinco salas de apoio são fechadas e classe faz abaixo-assinado

Cinco salas de apoio à advocacia capixaba – localizadas nos Fóruns de Cariacica, Viana, Domingos Martins, Marechal Floriano e Santa Leopoldina – estão fechadas, uma vez que a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Espírito Santo (OAB-ES) demitiu dois funcionários e cinco estagiários que trabalhavam nesses espaços. Sem mão de obra, não é possível manter o funcionamento das salas para centenas de profissionais diariamente.

Assim, a advocacia está sem acesso a diversos serviços que auxiliam seu dia a dia. Não é possível, por exemplo, utilizar os computadores das salas, nem máquinas de xerox e digitalização, muito menos fazer uso do espaço para atendimento adequado a clientes – antes e depois de audiências. As salas de apoio, além dessa estrutura, forneciam internet wi-fi, banheiro para os advogados – além de água e café.

Revoltados, advogados estão assinando uma petição online pedindo que a OAB-ES recontrate os profissionais urgentemente para que as salas de apoio voltem a operar. “Nós, Advogados e Advogadas militantes na região da Grande Vitória, podemos observar, ainda, tamanha discrepância ao adentrar nas salas de apoio dos fóruns de Vitória, Serra, Vila Velha e Guarapari, locais abastecidos de suprimentos e com funcionários zelosos e atenciosos, aptos a prestação de todos os serviços aqui cerceados”, reclamam no texto.

Presidente da 11ª Subseção da OAB-ES, Kelly Andrade já comunicou o presidente estadual por meio de diversos ofícios a urgência em contratar profissionais, uma vez que, conforme regimento, é de obrigação da Seccional essa contratação. Durante a cerimônia de sua posse, realizada na última semana, Andrade também cobrou publicamente da vice-presidente da OAB-ES, Dra Anabela Galvão, a necessidade de que as salas voltem a operar. Na ocasião, durante discurso, Anabela prometeu que as contratações seriam feitas – o que não aconteceu até o momento.

A sede da 11ª Subseção da OAB-ES, que funciona em Cariacica, também está com déficit de colaboradores: onde sempre trabalharam três funcionárias, hoje só há uma. A seccional capixaba da OAB foi questionada sobre a redução do quadro, mas não respondeu.

The post OAB-ES demite funcionários, cinco salas de apoio são fechadas e classe faz abaixo-assinado appeared first on ESHOJE.