Pitbulls usados como cães de guarda em bocas de fumo são resgatados em Macapá

Animais eram usados por criminosos para intimidar vizinhos e retardar o trabalho da polícia. Cães foram levados para abrigo. Animais foram deixados por criminosos para intimidar moradores Polícia Civil/Divulgação Uma ação conjunta entre as polícias Civil e Militar resgatou nesta quarta-feira (18) dois cães da raça pitbull que eram usados como guardas em duas residências apontadas como bocas de fumo no bairro Muca, na Zona Sul de Macapá. Denúncias e investigação apontaram que os animais foram colocados soltos nos locais para intimidar moradores e retardar o trabalho da polícia em ações anteriores. As duas bocas de fumo onde os cães estavam ficam em área de pontes no bairro. Num dos locais, dois suspeitos conseguiram fugir, mas deixaram para trás 16 munições de pistola e duas de espingarda. Ação das polícias Civil e Militar aconteceu no bairro Muca Polícia Civil/Divulgação O resgate dos cães foi feito em conjunto pela Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), Batalhão Ambiental da PM, e equipe de zoonoses da prefeitura da capital. “Conseguimos tirar de duas bocas de fumo comandadas por facções dois pitbulls, cachorros que ficavam fazendo a guarda desses locais. Fomos a um terceiro local, mas já haviam retirado o cachorro de lá”, detalhou o delegado Sidney Leite, da DTE. Os animais foram retirados com segurança e transportado em veículos adequados. Um dos pitbulls estava machucado, mas sem gravidade. Ambos foram levados para receber alimentação adequada. Animais foram levados para tratamento e para receberem alimentação adequada Polícia Civil/Divulgação Munições e balança de precisão encontradas em uma das bocas de fumo Polícia Civil/Divulgação Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá VÍDEOS com as notícias do Amapá:

Pitbulls usados como cães de guarda em bocas de fumo são resgatados em Macapá

Animais eram usados por criminosos para intimidar vizinhos e retardar o trabalho da polícia. Cães foram levados para abrigo. Animais foram deixados por criminosos para intimidar moradores Polícia Civil/Divulgação Uma ação conjunta entre as polícias Civil e Militar resgatou nesta quarta-feira (18) dois cães da raça pitbull que eram usados como guardas em duas residências apontadas como bocas de fumo no bairro Muca, na Zona Sul de Macapá. Denúncias e investigação apontaram que os animais foram colocados soltos nos locais para intimidar moradores e retardar o trabalho da polícia em ações anteriores. As duas bocas de fumo onde os cães estavam ficam em área de pontes no bairro. Num dos locais, dois suspeitos conseguiram fugir, mas deixaram para trás 16 munições de pistola e duas de espingarda. Ação das polícias Civil e Militar aconteceu no bairro Muca Polícia Civil/Divulgação O resgate dos cães foi feito em conjunto pela Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), Batalhão Ambiental da PM, e equipe de zoonoses da prefeitura da capital. “Conseguimos tirar de duas bocas de fumo comandadas por facções dois pitbulls, cachorros que ficavam fazendo a guarda desses locais. Fomos a um terceiro local, mas já haviam retirado o cachorro de lá”, detalhou o delegado Sidney Leite, da DTE. Os animais foram retirados com segurança e transportado em veículos adequados. Um dos pitbulls estava machucado, mas sem gravidade. Ambos foram levados para receber alimentação adequada. Animais foram levados para tratamento e para receberem alimentação adequada Polícia Civil/Divulgação Munições e balança de precisão encontradas em uma das bocas de fumo Polícia Civil/Divulgação Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá VÍDEOS com as notícias do Amapá: