Tempo ruim impede lançamento, e primeira missão tripulada da SpaceX fará nova tentativa no sábado

27 Mai 2020

A espera de quase nove anos durará mais uns dias. O tempo ruim no Centro Espacial Kennedy da NASA, na Flórida, impediu a missão Demo-2 de prosseguir. Ela enviaria nesta quarta

(27) os astronautas Robert Behnken e Douglas Hurley à Estação Espacial Internacional a bordo de uma nave SpaceX Crew Dragon.

O lançamento tinha um caráter histórico pois deveria encerrar um intervalo de quase nove anos desde a última vez que uma missão tripulada foi lançada do solo americano. A última vez que isso aconteceu foi em 9 de julho de 2011, quando o ônibus espacial Atlantis decolou também da Flórida.

De lá para cá, a NASA abandonou o programa Space Shuttle, e viagens de astronautas norte-americanos para a ISS eram feitos por naves russas Soyuz partindo de outros países.

Além disso, esta também deveria ser a primeira missão tripulada da SpaceX com destino à Estação Espacial Internacional. A empresa era uma das concorrentes a fornecedora da NASA neste retorno aos lançamentos em solo americano e bateu a concorrência da Boeing.

O tempo ruim na Flórida, porém, impediu a tentativa de lançamento. A decisão de adiar a missão foi tomada quando os dois astronautas já estavam a bordo do cápsula. Eles tiveram que esperar uma série de procedimentos, como esvaziar os tanques, para poder sair da nave.

Transmissão oficial da NASA no momento em que os astronautas aguardavam para poder sair da Crew Dragon. Captura de tela: NASA

A próxima janela é no sábado (30), às 15h22 no horário local (16h22 no horário de Brasília). Outro horário possível é no domingo (31), às 15h no horário local (16h no horário de Brasília).

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree