-->

Mãe dá à luz 2 paresde gêmeos seguidos e celebra: "Família é uma em um milhão"

10 Novembro 2019

Essa família é a prova de que um raio cai, sim, duas vezes no mesmo lugar. E duas vezes seguidas. Gina Shelton, de 30 anos, e Olie Lloyd, de 33 anos,

desafiaram as probabilidades e conseguiram o feito de ter um par de gêmeos seguido de outro.

Leia também: Mãe revela truque incrível para fazer bebê parar de chorar em segundos

Reprodução/Metro.co.uk
Primeiro vieram as gêmeas Niamh e Esme, e depois os gêmeos Arlo e Alby; a mãe revelou surpresa, mas celebra caso raro

A primogênita do casal é Phoebe, de seis anos. Logo depois, Gina deu à luz gêmeas, Niamh e Esme. Três anos depois, a mãe ficou grávida de novo e teve os gêmeos Arlo e Alby, o que é considerado muito raro.

Segundo reportagem do portal britânico Metro, a probabilidade de ter dois pares de gêmeos, um seguido do outro, é de cerca de 700.000 para um, e os britânicos foram "premiados". Gina destaca que nunca pensou que teria gêmeos, ainda mais dois seguidos.

"Quando eu estava grávida das meninas, eu trabalhava em um berçário e estava cansada o tempo todo. Todo mundo ao meu redor sempre dizia que eu ia ter gêmeos. Na sala de espera no hospital, Olie e eu estávamos olhando carros, e Olie brincou: 'Esquece, vamos precisar de um ônibus'", relembra a mulher ao site.

"Eu acho que, quando descobrimos, estávamos chorando de felicidade e pânico, porque vivíamos em um apartamento de dois quartos e Olie estava no processo de construir nossa casa. Um ano depois, descobrimos que estávamos tendo outro par de gêmeos", diz a mãe. "Não podíamos acreditar, e nossa família ou nossos médicos também não", completa.

Leia também: Gêmeos fazem tatuagem de henna e ficam com queimaduras e bolhas no braço

Para tornar a situação ainda mais inesperada, nem a família de Gina nem a do pai têm histórico de gêmeos.

gêmeos
Reprodução/Metro.co.uk
A mãe disse se preocupar que Phoebe se sentisse "deslocada", mas garante que a menina é bem unida à família

Gina conta também que chegou a ficar preocupada que Phoebe, a primeira filha do casal, se sentisse "deslocada" por ter apenas irmãos gêmeos. Mas a chegada dos demais membros só aproximou mais a família.

"Phoebe e eu sempre teremos uma a outra porque não entendemos o vínculo deles [dos gêmeos]. Niamh e Esme conversam uma com a outra e caem em gargalhadas histéricas enquanto Olie e eu estamos tentando entender do que elas estão rindo", destaca Gina. "Elas são incrivelmente próximas e tenho certeza que os meninos serão assim também", acrescenta.

Leia também: Mulher de 61 anos dá à luz bebê e realiza sonho de ser mãe no Paraná

Apesar de ser um caso bem raro, a mãe diz que está feliz e grata com a família. "É louco, trabalhoso e barulhento ter cinco filhos, mas eu não mudaria isso por nada no mundo. Já trocamos milhares de fraldas e tivemos que comprar um carro de sete lugares, mas minha família é uma em um milhão", celebra ela.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree