-->

Relato de gravidez após ménage e sexo lésbico viraliza na web; isso é possível?

16 Abril 2020

Esta semana foi agitada no grupo LDRV no Facebook. A usuária Luciana Carminatti publicou um relato anônimo sobre como uma mulher engravidou durante uma ménage à trois no qual ela fez

sexo apenas com a outra mulher que estava em cena.

shutterstock
Mulher diz ter ficado grávida após fazer sexo com outra em ménage à trois

Leia também: Afinal, sexo anal engravida?

Nas mensagens compartilhadas no grupo, a mulher detalha a ménage. Ela conta que era a terceira pessoa convidada na relação de um casal. Ela apenas trocou beijos com o homem e, depois, seguiu trocando beijos e carícias com a mulher enquanto o casal mantinha uma relação sexual.

Logo na sequência, ela e a mulher engrenaram no sexo, com a posição tesourinha. A mulher da mensagem garante que não teve qualquer contato com o homem ou penetração e que, ainda assim, apenas com o sexo lésbico, ficou grávida do rapaz.

conversa sobre sexo
Reprodução/Facebook
Conversa em que a mulher conta que ficou grávida após ter feito sexo com outra na ménage à trois


Ainda na mensagem, ela conta o espanto ao saber da gravidez. "Lógico que foi um choque, mas estou aceitando de boa", fala. Em outro trecho ela afirma que sempre quis ser mãe e que está vendo tudo como um presente.

Como é possível engravidar assim?

mulher grávida
shutterstock
Sim, é possível engravidar em uma ménage à trois mesmo sem ter tido relações com o homem da cena

Como o relato é anônimo, não sabemos o desfecho da história. E por mais estranho que tudo isso soe, é, sim, possível engravidar no sexo entre duas mulheres nas condições descritas nas mensagens.

Segundo a ginecologista, obstetra e mastologista Erika Kawano, a gravidez necessita que o espermatozóide e o óvulo se encontrem. Ela diz que neste caso, "por mais que seja muito difícil acontecer, se o homem ejaculou em uma mulher e esta mulher teve contato com o órgão de outra mulher, ela pode levar o espermatozóide para a outra".

Leia também: 10 lésbicas famosas que fazem a diferença na comunidade LGBT

A ginecologista ainda afirma que durante o ato pode ter havido a manipulação do esperma e ter ido de encontro à vagina da mulher.

A também ginecologista Monique Novacek afirma que não há concepção entre mulheres, mas como houve primeiro uma relação entre homem e mulher e depois uma transa entre as mulheres, "o esperma poderia estar na região íntima e pode, sim, passar para outra mulher em uma segunda relação".

Independente de fazer sexo com mulheres ou homens, proteção é essencial, tanto para evitar uma gravidez indesejada quanto doenças sexualmente transmissíveis.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree