-->

Rugas profundas antes dos 40? Saiba o que fazer para evitar e como tratar

05 Mai 2020

Com o passar dos anos é inevitável exibir rugas e marcas de expressão no rosto. Mas algumas delas insistem em aparecer antes do tempo. Há quem tenha rugas antes dos 40

anos, por exemplo. E são linhas realmente marcadas na pele, as chamadas rugas profundas precoces.

Pixabay
Rugas antes dos 40 anos podem ser evitadas mudando alguns hábitos e eliminando outros

Leia também: 5 sinais que mostram uma pele envelhecida antes do tempo e como evitá-los

De acordo com o dermatologista Abdo Salomão Jr., membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, essas rugas antes dos 40 são resultados de maus hábitos, principalmente com relação à exposição solar de forma inadequada e sem proteção, alimentação, estresse, qualidade do sono e tabagismo.

O cirurgião plástico Mário Farinazzo, membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) concorda com Salomão Jr ao citar o cigarro como agravante.

"Além dos raios solares que degradam as proteínas de sustentação da pele e envelhecem o tecido cutâneo, sabemos que o cigarro causa grandes danos para o surgimento das rugas profundas", afirma Farinazzo.

"Ele prejudica a circulação de sangue na pele e, com isso, dificulta tanto a chegada de nutrientes como a liberação de toxinas. É como se fosse uma horta pouco irrigada que seca e produz poucos alimentos. Além disso, as rugas ao redor da boca, conhecidas como 'código de barra' se acentuam muito nos fumantes pelo próprio movimento de segurar o cigarro entre os lábios", completa o cirurgião.

Outro ponto que já foi destacado pelo dermatologista e merece atenção é em relação ao sono. "É um é momento restaurador para a pele e para outros órgãos do corpo. Quando não dormimos direito não permitimos que as células sejam renovadas e os radicais livres eliminados. Isso tudo prejudica o aspecto da pele e predispõe o aparecimento de rugas", fala Farinazzo.

Dá para se livrar essas rugas profundas?

rugas
Getty Images
Rugas profundas antes do 40 podem aparecer na boca, no pescoço e em outras regiões

Já existe tecnologia usada no tratamento dessas rugas que aparecem antes do tempo. Uma delas é o Surgical Derm, que amezina a aparência das marcas em poucas sessões.

"É um plasma frio que entra na pele com um orifício muito fino e se espalha na derme. Com isso, há uma grande contração da pele, que reduz de forma eficaz a flacidez e rugas com resultado percebido já na primeira sessão”, diz Salomão Jr.

Se forem necessárias outras sessões, é possível repetir o procedimento até três vezes a cada dois meses. "Esse procedimento traz grande resultado em rugas profundas ao redor da boca e no pescoço", comenta o médico dermatologista.

Se além das rugas profundas a paciente também tiver flacidez, a tecnologia indicada é a Ultrassom 3D Solon. É possível ajustar exatamente a profundidade que o ultrassom irá agir e qual o tamanho do dano térmico, chegando até a derme e estimulando a produção de fibras de sustentação da pele, o que diminui a flacidez.

Leia também: Sinais da pandemia na pele: saiba como evitar as rugas de estresse

De acordo com Salomão Jr, é algo bastate eficaz, pois é controlado o quanto de músculo e de pele será contraído para conseguir "estimular mais colágeno com mais eficácia e menos dor".

Ainda é possível apostar em produtos, como aqueles com ácido hialurônico, ou procedimentos com bioestimuladores e até enxertos de gordura, mas para qualquer ação é preciso o aval e acompanhamento de um médico.

O que fazer para evitar as rugas antes dos 40?

rugas na testa
Divulgação
Dormir bem e cuidar da alimentação são boas armas contra as rugas precoces

Se seu rosto ainda não tem tais linhas, é hora de rever hábitos. Além de abandonar o cigarro e cuidar da qualidade do sono, a dica de Salomão Jr é focar na alimentação.

Itens como carboidratos de alto índice glicêmico, como açúcares e massas de farinhas, ou alimentos com gorduras saturadas, como as frituras, devem ser evitados a fim de ter uma pele e um organismo mais saudáveis. Como ressalta o dermatologista, qualquer alimento que cause inflamação e liberação de radicais livres são danosos para o nosso corpo em geral e para a pele.

Leia também: 8 alimentos antirrugas para você incluir agora em seu cardápio

“Para prevenir, dê preferência para produtos integrais, que além de causar menos inflamação e têm mais fibras. As gorduras boas presentes nas castanhas, por exemplo são uma forma de cuidado com a pele e prevenção do envelhecimento", indica o especialista.

As frutas também são bem-vindas para evitar as rugas antes dos 40. "A vitamina C, presente em sucos cítricos como laranja, acerola e limão, é um potente antioxidante e está envolvido com a produção de colágeno e elastina, que dão mais firmeza e mantém a pele mais bonita e saudável. Frutas vermelhas como maçã, uva e ameixas contém substâncias antioxidantes que retardam o processo de envelhecimento”, indica também Farinazzo.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree