-->

Trisal relata como é viver poliamor e dá dicas para abrir o casamento

28 Mai 2020

Joe Kaufman e Melanie Kaufman conheceram Judy Bame em 2018 e comerçaram um relacionamento a três no mesmo ano. No último dia 24, o trisal oficializou a união no jardim de

casa durante o lockdown em Colorado, nos Estados Unidos.

Leia também: Amo meu marido, mas quero abrir o relacionamento, e agora?

Reprodução/SUPPLIED
O trisal divide a cama e eles mantém uma vida em família.


De acordo com The Sun, o trisal se conheceu muito antes de cogitar a relação. Há 11 anos atrás, se encontraram jogando roller derby e logo descobriram a química, mas Judy namorava na época.

Em 2018, Judy voltou a entrar em contato com o casal. "Quando nos conhecemos depois de todos esses anos, ficou claro que nossos sentimentos eram os mesmos de sempre, só que agora sem complicações", afirma a gerente de marketing.

Segundo ela, a relação se abriu de uma forma bem natural e confortável. "Esse tipo de relacionamento acontece como qualquer outro. Desde então, somos inseparáveis", aponta Judy.

Leia também: Duas mães e um pai: trisal tem seis filhos e revela detalhes do poliamor

Quando oficializaram o namoro, os pais de Melanie foram grandes apoiadores, diferente dos de Jon ou Judy. Segundo os três, tem sido muito difícil sentir que eles devem escolher entre o relacionamento e os pais.

Os amigos tiveram reações diversas, mas Jon afirma que o trisal tem uma grande rede de amigos que apoiam os três. "Temos poucos amigos próximos, mas os mais antigos ficaram quietos e distantes desde que nos abrimos sobre nosso relacionamento", afirma o dono de casa.

Eles dividem a mesma cama, com Jon no meio e as mulheres dos lados. "O sexo é acima da média, tem mais sensações, mais toques e Jon tem que ser uma máquina para satisfazer as duas", aponta Melanie.

Segundo ela, há o esforço de incluir os três na relação sexual, mas se não for possível, ninguém sente ciúmes dentro do relacionamento. Ela ainda afirma que não é um relacionamento aberto.

trisal
Reprodução/SUPPLIED
Com o isolamento, eles aproveitaram para se unir ainda mais


"Alguns trisais têm relacionamentos abertos, mas somos uma tríade fechada e nos vemos como um casal comum, apenas com mais uma pessoa", afirma Melanie.

Leia também: Confira 3 dicas para se aventurar no poliamor ou em um relacionamento aberto

E o lockdown aproximou mais ainda os três. As mulheres da relação afirmam que o isolamento fez com que elas ficassem mais em casa. "Judy está de licença e fica em casa comigo, já Melanie por ser prestadora de serviços tem a agenda toda trocada", afirma Jon.

Eles planejavam fazer uma cerimônia de casamento, mas a pandemia do novo coronavírus atrapalhou os planos. Por isso, no dia 24 de maio eles fizeram uma união reclusa. Nos Estados Unidos, não é permitido o casamento entre mais de duas pessoas, então o casamento não é legal.

Além disso, Melanie revela que recebe muitos questionamentos sobre como abrir o casamento e encarar o poliamor. “O que você precisa saber é que tudo é multiplicado exponencialmente a cada pessoa que você adiciona ao relacionamento. Então, é mais uma pessoa para cuidar de você e também para você cuidar. É preciso uma comunicação e amor constante para todos os envolvidos. O poliamor e a poligamia não é para todos, mas é um estilo de vida válido e que pode ser surpreendentemente incrível”.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree