-->

Mãe é barriga de aluguel para filha que não consegue engravidar

02 Julho 2020

Depois de passar anos lutando contra a infertilidade, o casal Breanna e Aaron Lockwood, de Chicago, Estados Unidos, passaram um ano tentando engravidar. Sem sucesso, a solução encontrada foi recorrer a

uma barriga de aluguel. Quem assumiu a função foi Julie Loving, de 51 anos, mãe de Breanna.

Reprodução/Instagram
Breanna ao lado de sua mãe, Julie

Ao site norte-americano OprahMag.com, a família deu os detalhes desta experiência. De acordo com Breanna, seus planos eram dar à luz antes de seu avô, que está em uma batalha contra o câncer, falecer. Porém, o casal começou a ter muita dificuldade em engravidar.

"Sempre achei que aconteceria muito rapidamente. Você passa sua vida inteira se prevenindo, mas quando para de se proteger, não acontece imediatamente", explica. Ela diz que o assunto é difícil e “acaba com a sua família, seus amigos e seu casamento. É algo que abala o seu mundo”.

Breanna e Aaron tentaram um tratamento para fertilidade, mas ela perdeu o bebê duas vezes. Diante disso, Breanna acabou desenvolvendo síndrome de Asherman, uma condição caracterizada por fibroses no útero. A saída foi recorrer a uma barriga de aluguel, porém, os custos eram altos. De acordo com o casal, cerca de 100 mil dólares (mais de R$ 500 mil).

Foi nesse contexto que Julie se ofereceu para ajudar os dois. "Senti que deveria passar por isso com ela desde o começo. Senti toda sua dor e sua luta. Sabia que era saudável para uma mulher de 51 anos e sabia que poderia fazer isso por ela. Cuidei bem de mim mesma. Nem me sinto com 50, me sinto com 30!", fala a mãe.

Para ela, é uma prova de amor materno ser a barriga de aluguel para a própria filha. "Sem questionamentos, sem arrependimentos. Amo tanto minha filha que só queria ajudá-la".

Após uma série de exames, o procedimento foi feito e hoje Julie espera sua neta e filha de Breanna. A expectativa é que a criança nasça na primeira quinzena de novembro.

A família também decidiu compartilhar essa jornada no Instagram e já contam com mais de 34 mil seguidores. Eles dividem cada avanço da gestação, novas consultas ao médico e planos para o nascimento do bebê. "Decidi tornar pública a história para celebrar minha mãe e tudo que ela tem feito. Fiquei impressionada com a receptividade. Foi muito tocante", diz Breanna.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree