Kevin Feige, chefão da Marvel, rebate críticas de Scorsese: ‘Acho lamentável’

11 Novembro 2019
Reprodução/InstagramKevin Feige é responsável por todo o conteúdo de entretenimento da Marvel

Depois das declarações polêmicas de Martin Scorsese, que considera que os filmes da

rel="noopener noreferrer">Marvel “não são cinema”, diversos diretores e atores se dividiram entre apoiá-lo e discordar de sua opinião. Agora, chegou a vez de Kevin Feige, chefão do universo cinematográfico da Marvel, quebrar o silêncio.

Em entrevista ao podcast Awards Chatter, do Hollywood Reporter, Feige falou que “não acredita que [a fala de Scorsese] é verdade”. “Eu acho lamentável” pensar que os longas de herói fazem mal ao cinema. “Acho que eu e qualquer pessoa que trabalhou nesses filmes ama cinema, longas e ir aos cinemas.”

Segundo Scorsese, os títulos da Marvel “não têm riscos” e basicamente são fabricados de acordo com o que a audiência quer ver. Kevin, no entanto, discorda: “Nós fizemos Guerra Civil. Dois dos nossos personagens mais populares entram em um embate teológico e físico. Nós matamos metade de nossos protagonistas no final de Vingadores.”

No final das contas, Feige simplesmente acredita que o conceito de arte é subjetivo. “Cada um tem uma definição diferente de cinema, arte. Até definições diferentes do que é risco. Todo mundo tem direito a sua opinião. (…). Enquanto isso, vamos continuar fazendo filmes”, completou.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree