Debora Nascimento chora ao relatar assédio durante voo aos 19 anos: 'Nem dormi'

24 Junho 2019

Debora Nascimento não segurou a emoção ao recordar ter sido vítima de assédio sexual aos 19 anos durante voo da África do Sul para o Brasil, em depoimento ao "Encontro com

Fátima Bernardes" desta segunda-feira (24). Ainda no matinal, a jornalista enviou uma mensagem para Benício, filho de Luciano Huck e Angélica, vítima de acidente no mar no final de semana. O assunto veio à tona quando a atração abordou método encontrado por mulheres para se livrarem de assédio em transporte coletivo. "Aconteceu comigo em um voo internacional. Eu era mais novinha, tinha uns 19 anos, naquele voo da África do Sul para cá. Me sentei na janela, e o homem, no corredor. Passou um tempo e ele começou a se expandir. Falei: 'ah, tudo bem, é desconfortável, é muito tempo de viagem", iniciou.

Debora enfrentou passageiro: 'Recolha sua perna!'

Emocionada, a mãe da pequena Bella, de 1 ano, lembrou como o homem passou a se aproximar dela ainda mais. "Ele encostou a perna, o braço e eu só vendo. Aí você começa a ficar gelada, é difícil. Passa a achar que é da sua cabeça. É desconfortável. Tinha cobertor e eu sentia que ele estava chegando perto. Eu me mexia, dava cutucada, joelhada", relatou a ex-mulher de José Loreto, de quem se separou no começo do ano. Debora disse ainda que encarou o passageiro. "Falei: 'opa, você entende que esse é o meu espaço. Eu sou grande também e preciso do meu espaço, do meu conforto. Recolha a sua perna e o seu braço'", lembrou Debora.

Mãe de Bella ficou sem dormir resto da viagem: 'Tremia'

A atriz contou não ter conseguido pegar no sono por conta do passageiro mal intencionado. "Tremia e olhava para a comissária de bordo procurando apoio. Como falei mais alto, ele ficou constrangido, porque as pessoas olharam. Mas eu tremia com medo. Nem dormi, fiquei dura, quietinha e cheguei em casa cheia de dor", concluiu Debora, que já relatou ter perdido a vergonha para amamentar a filha em público.

Giovanna Lancellotti foi assediada em ônibus aos 14 anos

Em entrevista, a atriz contou que era adolescente quando sofreu assédio sexual pela primeira vez. "Estava viajando de ônibus de São João para Ribeirão, indo visitar meu pai. Um cara sentou ao meu lado e se masturbou. Deu nojo, raiva e sensação de impotência", relatou Giovanna Lancellotti, que voltou a passar por situação de assédio durante a Copa do Mundo. "Os brasileiros estavam se soltando, achando que era liberado. Teve um que me empurrou, vi que era brasileiro, peguei o cara pelo braço e disse: 'Você não vai me empurrar, não'", disse.

(Por Guilherme Guidorizzi)


Em breve novidade aqui!!!

Outras Categorias

Quem Somos

Usuário(s) Online

Temos 306 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree