-->

Cruzeiro confirma venda do zagueiro Edu para o Athletico-PR

06 Junho 2020
Lance Lance

O Cruzeiro confirmou a venda do zagueiro Edu para o Athletico-PR. O clube paranaense vai pagar 500 mil euros(R$ 3 milhões) por 70% dos direitos econômicos do jogador, de 19 anos. Mesmo com a venda, o Cruzeiro ainda ficará com 15% de Edu, com restante sendo divididos com empresários.

As negociações foram rápidas e o negócio vai ajudar nas contas do clube, que busca recursos para manter seus compromissos em dia. O defensor tem pouca “rodagem” no time profissional, jogando apenas três vezes na equipe principal, todas em 2020, apesar de estar no elenco da Raposa desde o ano passado.

Edu foi um dos vários jovens da base celeste promovidos ao time de cima por Adílson Batista, na reformulação do elenco celeste após a desastrosa campanha de 2019.

A saída do zagueiro para o Furacão foi facilitada pelas chegadas de Marllon, Ramón e Jean e o retorno de Ariel Cabral, o grupo se tornou mais experiente, tirando espaço de Edu na equipe.

O Athletico-PR voltou seus olhos para outro zagueiro do Cruzeiro após Cacá, de 21 anos, recusar a proposta do time paranaense. O Furacão busca repor sua zaga após negociar o zagueiro Robson Bambu para o Nice, da França, por mais de R$ 40 milhões. Outra perda, foi de Léo Pereira, que foi para o Flamengo, no início do ano.

Com a venda de Edu concretizada para o Athletico-PR, o valor arrecadado vai ajudar o clube a pagar salários de jogadores e comissão técnica, que ainda estão pendentes. O clube está quase conseguindo por em dia sua folha salarial com os atletas, já que os demais funcionários receberam seus vencimentos. A previsão de pagamento dos salários de abril, que vencem no quinto dia útil de maio, é na próxima semana. O time azul emitiu um comunicado.

Leia o comunicado da Raposa

O Cruzeiro Esporte Clube e o Club Athletico Paranaense informam que chegaram a um acordo para a transferência do atleta Edu. Formado nas categorias de base do Cruzeiro, o defensor já está em Curitiba, onde passou por exames médicos antes de assinar o contrato com o Athletico, válido por quatro anos.

Com a negociação, o Atlhetico passa a ter 70% dos direitos econômicos do zagueiro, o Cruzeiro manterá 15% e o próprio Edu ficará com os outros 15%. Devido às cláusulas de confidencialidade do contrato, os valores financeiros envolvidos na transferência não serão tornados públicos.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree