-->

Com um a mais, Santos tropeça no Olimpia e perde os 100% na 'Liberta'

16 Setembro 2020
Marinho tentou criar, mas foi muito caçado em jogo da Libertadores Ivan Storti/Santos FC

O Santos perdeu a chance de continuar com a campanha perfeita na Libertadores. Mesmo jogando em casa e com um a mais durante um bom período, o time do técnico Cuca não conseguiu furar a retranca do Olimpia e ficou no 0 a 0, na noite desta terça-feira (15), na Vila Belmiro.

Apesar do tropeço, a equipe brasileira continua na liderança do grupo, com 7 pontos, 2 a mais que os paraguaios, que estão com 5. Os dois times voltam a campo pela competição já na próxima semana. Enquanto o Olimpia joga novamente fora de casa, dessa vez contra o Defensa y Justicia, na quarta, o Santos vai ao Equador para enfrentar o Delfín, na noite seguinte.

O jogo
Apesar de ter poupado alguns jogadores no clássico com o São Paulo, nem parecia que o time do Santos estava descansado, tamanha preguiça e falta de criatividade. Tanto é que a primeira boa chance do time foi aos 24, em chute de Pituca.

Enquanto isso, o Olimpia explorava bem os contra-ataques e só não abriu o placar porque João Paulo fez belas defesas aos 9 e aos 26.

Na traaaaave!
A melhor chance do primeiro tempo, porém, foi do time da casa. Daniel conseguiu belo passe para Soteldo, que bateu cruzado e a bola explodiu na trave.

Se a parte final da primeira etapa foi um pouco mais animada, o marasmo do início voltou após o intervalo.

Foi pra rua!
Aos 22, Rodrigo Rojas cometeu falta dura em Marinho e, como já tinha cartão amarelo, recebeu o vermelho.

Mas nem mesmo o fato de jogar com um a mais fazia o Santos encontrar espaços. Final de jogo: 0 a 0!

SANTOS 0 x 0 OLIMPIA (PAR)
Data: 15/09/2020 (terça-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Local: Vila Belmiro, em Santos-SP
Árbitro: Leodan Gonzalez (URU)
Assistentes: Nicolas Taran (URU) e Richard Trinidad (URU)
Amarelos: Marinho; Candia, De la Cruz e Rojas (2)
Vermelho: Rojas
SANTOS: João Paulo; Pará (Madson), Luan Peres, Lucas Veríssimo e Felipe Jonatan (Jean Mota); Alison (Lucas Lourenço), Diego Pituca e Carlos Sánchez; Marinho, Soteldo e Raniel (Marcos Leonardo). Técnico: Cuca.
OLIMPIA: Azcona; Otalvaro, Leguizamón, Alcaraz e Torres (Arias); Silva (Derlis González), Candia (De la Cruz), Ortiz e Rodrigo Rojas; Camacho (Caballero) e Roque Santa Cruz (Pitta). Técnico: Daniel Garnero..

Barrichello e jornalista comemoram 6 meses juntos: 'Coração acelerado'

 

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree