Sexta, 02 Agosto 2019 10:31

Rapaz é atingido por peso de 116kg; veja cuidados necessários no treino de força

Avalie este item
(0 votos)

Às vezes, nem mesmo o halterofilista mais experiente consegue escapar de acidentes durante um . Este foi o caso do americano Jonathan Cotton, que deixou um cilindro de 116 kg cair

sobre o seu corpo após terminar uma sequência de desenvolvimento, um exercício para os ombros no qual o indivíduo levanta uma carga acima da cabeça.

undefined
Reprodução/Instagram
Durante seu treino de força, Jonathan Cotton ficou tonto e derrubou um peso de 116 kg sobre seu próprio abdômen

Em seu perfil do Instagram, Jonathan deu mais detalhes sobre o ocorrido, que não foi tanto uma questão de má qualidade na execução do treino de força. Na verdade, a explicação dada por Jonathan é bem simples: problemas de tontura durante o desenvolvimento.

Segundo o halterofilista relatou em seu post, porém, ele vinha se prevenindo contra isso em todo treino de força que fazia. "Sabendo desse quadro, eu costumo colocar o suporte mais para cima, assim tenho tempo de pegar o cilindro caso ele caia, mesmo que eu fique tonto", contou.

Dessa vez, porém, isso não foi possível. Como mostra o vídeo abaixo, Jonathan perdeu o equilíbrio enquanto segurava o peso de academia com a mão direita, derrubando o cilindro, que atingiu-o no abdômen enquanto ele caia no chão.

em

Ele disse que não estava se sentindo bem após o ocorrido e teve de ir para o hospital. Lá, ele precisou fazer um ultrassom na barriga para averiguar se algum órgão tinha sido danificado ou rompido. "Tudo deu negativo, então eu vou tirar uns dias de folga e voltar à academia na próxima semana", comentou.

Mesmo com o contratempo da visita ao hospital, o acidente não desanimou o halterofilista, que encerrou sua história de forma bastante descontraída. "Moral da história? Não derrube uma tora sobre si mesmo porque dói", brincou.

Como evitar problemas no treino de força

undefined
shutterstock
A tontura, ou pré-síncope, é resultado de uma queda na pressão sanguínea, e pode ser causada pela exaustão

De acordo com um estudo publicado em 2016 no American College of Cardiology por Eugene H. Chung, professor de medicina na Faculdade de Medicina da Universidade de Michigan, e Shivanshu Madan, integrante da unidade de cardiologia da UNC Health Care, os sintomas apresentados por Jonathan indicam uma pré-síncope, fase que antecede o desmaio (síncope).

Segundo informações do site da Associação Americana do Coração, uma organização sem fins lucrativos que busca combater os problemas cardíacos e os derrames, a síncope (e, antes dela, a pré-síncope) normalmente é resultado de uma queda na pressão sanguínea.

Alguns dos fatores que aumentam o risco desse quadro são a exaustão, o aumento da temperatura corporal e o acúmulo de sangue nas pernas devido a uma mudança súbita de posição - todos problemas que podem ocorrer durante um treino.

Caso você queira se prevenir de acidentes como o do halterofilista, o personal trainer Maurício Rossi lembra que existem alguns cuidados básicos para seguir durante o treino. São eles:

  1. Respeite seu limite - tentar levantar uma carga muito acima da sua capacidade pode ter consequências desastrosas, desde lesões musculares até maus estares como os do americano;
  2. Varie seus treinos - é importante investir na diversidade de treinos, não apenas de exercícios. O recomendado é fazer exercícios de força por "um ou dois meses, e depois fazer outro tipo de treino, como o regenerativo";
  3. Controle a velocidade do movimento - controlar a sua velocidade evita uma sobrecarga do corpo, e permitirá que você invista na qualidade das repetições;

Dessa forma, conhecendo as causas do problema e seguindo essas orientações durante o seu treino de força, você diminui drasticamente as chances de um acidente como o de Jonathan, ou de qualquer outro tipo de lesão.

Leia 60 tempo
Entre para postar comentários

Contato

Telefone: 55 3522-8882

E-mail: atendimento@oguiadacidade.com.br

 

Últimas Mensagens

Newsletter

Receba nossas notícias diariamente