Locais cariocas são tidos como bens culturais

(foto: Ed Alves/CB/CB/D.A Press - 2/4/18)

Duas cidades brasileiras fazem parte da lista aprovada pelo Comitê do Patrimônio Mundial da Organização das Nações Unidas para

a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Segundo a diretora e representante da organização no Brasil, Marlova Jovchelovitch Noleto, “Paraty já é integrante da Rede de Cidades Criativas da Unesco na categoria gastronomia e, agora, mostra a riqueza da diversidade local se tornando patrimônio mundial misto, ou seja, tanto cultural quanto natural.”

Formada pelo intercâmbio das culturas indígena, africana e caiçara que se expressam nos bens culturais da cidade, Paraty engloba uma fusão de características próprias do patrimônio material e do imaterial. Ao mesmo tempo, a cidade apresenta exemplos de povos tradicionais que usam a terra e o mar de forma sustentável, demonstrando a interação do homem com o meio ambiente. Ao se unir à Ilha Grande, o sítio torna-se mais representativo com áreas de beleza natural excepcional.

Para conquistar o título, é preciso que a cidade concorrente se encaixe em pelo menos um dos critérios estabelecidos pelo comitê. De acordo com a Unesco, Paraty e Ilha Grande apresentaram dois deles: serem excelentes modelos de assentamento humano tradicional (que se usa a terra ou o mar, que representam uma ou mais culturas, ou na interação humana com o meio ambiente), principalmente quando este se torna vulnerável com o ataque de mudanças irreversíveis; e conter os habitats que são importantes e significativos para a preservação in situ da diversidade biológica, compreendendo as espécies ameaçadas de valor universal do ponto de vista científico ou de conservação. O país tem sete sítios naturais e 14 sítios culturais.

O processo de conquista do título inclui a visita de especialistas aos locais para avaliar a proteção e o gerenciamento, além de analisarem o dossiê de candidatura. A cada ano, o Comitê do Patrimônio Mundial avalia novas candidaturas e, por meio de votação dos seus 21 membros, decide incluir novos bens na Lista do Patrimônio Mundial. Ganhar o título significa mais responsabilidade com a preservação da natureza e da cultura locais, já que é feito um monitoramento por meio do Relatório Periódico sobre a Aplicação da Convenção. Os relatórios são preparados pelos países, a cada seis anos, sobre as medidas adotadas para aplicação da Convenção, incluindo o estado de conservação dos bens do Patrimônio Mundial situados no seu território. Anualmente, a Sessão do Comitê avalia os relatórios por região.

Novidades

Patrimônios Naturais da Humanidade
» Florestas de Hyrcanian — Irã
» Parque Nacional Vatnajökull — Islândia
» Santuário de aves migratórias ao longo da costa do mar Amarelo — China
» Terras e mares austrais franceses — França

(foto: Luliia Timofeeva/Canadastock/Shutterstock/Reprodução)
(foto: Luliia Timofeeva/Canadastock/Shutterstock/Reprodução)

Patrimônios Naturais e Culturais da Humanidade
» Paraty e Ilha Grande — Brasil
» Extensão do Patrimônio Natural e Cultural da Humanidade da região de Ohrid — Albânia

Patrimônios Culturais da Humanidade
» Antigo sítio de siderurgia de Burkina Faso — Burkina Faso
» A arquitetura do século XX de Frank Lloyd Wright — Estados Unidos
» Babilônia — Iraque
» Bagan — Myanmar
» Budj Bim- Austrália
» Centro Histórico de Shaki e Palácio de Kahn — Azerbaijão
» Cidade de Jaipur — Índia
» Colina de Prosseco de Conegliano e Valdobbiadene — Itália
» Dilmun Burial Mounds — Bahrein
» Escolas coreanas neoconfucionistas — Coreia do Sul
» Igrejas da Escola de Arquitetura Pskow — Rússia
» Jarros de pedra de Xiangkhoang — Laos
» Mausoléo Mozu-Furuichi Kofun Group — Japão
» Mina de carvão de Ombilin — Indonésia
» Observatório Jodrell Bank — Reino Unido
» Palácio Real de Mafra — Portugal
» Parque Writing-on Stone — Canadá
» Região mineira de Erzgebrige/Krusnohori — República Tcheca e Alemanha
» Região mineira de Krzemionski — Polônia
» Risco Caído e as Montanhas Sagradas de Gran Canaria — Espanha
» Ruínas arqueológicas de Liangzu — China
» Santuário de Bom Jesus do Monte — Portugal
» Sistema de águas da cidade de Augsburg — Alemanha
» Terras para criação e treinamento de cavalos para carruagens de Kladburry nad Labem — República Tcheca

* Estagiária sob supervisão de Taís Braga

Compartilhe este artigo

Contato

Telefone: 55 3522-8882

E-mail: atendimento@oguiadacidade.com.br

 

Últimas Mensagens

Newsletter

Receba nossas notícias diariamente