-->

Idosa que sobreviveu a acidente em que carros explodiram no AC passa por cirurgia e se recupera em hospital

30 Setembro 2019

Acidente envolveu uma caminhonete, onde a idosa estava com o marido e a filha, e um veículo de passeio, em que estavam avó e neta que morreram. Colisão entre
carros deixou avó e neta mortas na Estrada do Pacífico, interior do AcreDivulgação/Polícia Rodoviária Federal do Acre A idosa Maria Heraclito Afonso, de 78 anos, uma das pessoas que sobreviveram ao acidente entre um carro de passeio e uma caminhonete que explodiram, passou por uma cirurgia e está no Pronto-Socorro de Rio Branco. A informação foi confirmada pelo diretor da unidade, Areski Peniche. "Ela passou pelo procedimento cirúrgico e está agora na clínica sendo avaliada e acompanhada pela cirurgia geral e pela equipe de neurocirurgia. Como ela bateu a cabeça, ainda está sob avaliação da neuro, mas ela está acordada, o quadro dela é estável", informou o diretor. O acidente ocorreu no km 14 da BR-317, na Estrada do Pacífico, interior do Acre, nesta sexta-feira (27). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal do Acre (PRF-AC), um dos veículos que explodiu durante a colisão carregava duas botijas de gás e um garrafão de combustível. Edvana Dominguez do Amaral, de 45 anos, e a neta dela, de 5 anos, que estavam no carro de passeio, morreram carbonizadas após os dois veículos explodirem no acidente. Na caminhonete, estavam Maria Heaclito, o marido, José Tolentino Afonso, de 78 anos, e a filha deles, Eliana Maria Pessoa, de 39 anos. O idoso foi avaliado e, após descartada a possibilidade de cirurgia, permanece em observação no PS. Já a filha do casal teve queimaduras e foi atendida no Hospital Regional do Alto Acre Wildy Viana, em Brasileia. Ultrapassagem Ainda segundo a PRF-AC, o carro de Edvana Dominguez estava na contramão e teria batido de frente com a caminhonete que os idosos e a filha estavam. A polícia acredita, a princípio, que Edvana tentou desviar de algum obstáculo, perdeu o controle do veículo, e acabou invadindo a contramão na rodovia. A caminhonete da família ainda teria desviado para o acostamento, porém, foi atingida de frente pelo outro carro. A PRF-AC revelou também que a caminhonete levava duas botijas de gás e um garrafão de combustível. A polícia acrescentou ainda que Edvana e a neta estavam com cinto de segurança e não conseguiram sair do veículo. Já Eliana Maria conseguiu retirar os pais de dentro da caminhonete. Uma equipe do Corpo de Bombeiros do Acre foi até o local para apagar as chamas dos veículos.
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree