-->

Setembro encerrou com quase 3 mil focos de queimadas no Acre, diz INPE

01 Outubro 2019

Municípios de Sena Madureira (428); Feijó (356) e Brasileia (297) lideraram com o maior acumulado de focos de queimadas em setembro. Setembro teve um número um pouco maior, já
que nos mês anterior foram registrados 2,6 focos Corpo de Bombeiros/Arquivo Dados da Secretaria de Meio Ambiente do Acre (Sema) mostram que mais de 2,9 mil focos de queimadas foram registrados durante o mês de setembro no estado. Os números foram divulgados no monitoramento de queimadas, na segunda-feira (30). Comparando com agosto, setembro teve um número um pouco maior, já que no mês anterior foram registrados 2,6 mil focos na leitura realizada até o dia 29. Todos os dados usados no boletim são do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e mostram que em todo estado, de janeiro a 29 de setembro foram registrados 6.403 focos de queimadas. Em 2018 foram 6.115, um aumento de 4%. Ainda de acordo com os dados, os municípios de Sena Madureira (428), Feijó (356) e Brasileia (297) lideraram com o maior acumulado de focos de queimadas em setembro. Policiais da Força Nacional foram levados para o 4º BIS, em Rio Branco Reprodução/Rede Amazônica Acre Amazônia Legal Na Amazônia Legal, do início do ano até o dia 29 de setembro, foram registrados 96.464 focos de queimadas segundo o levantamento. Desse total, 28.3% são do estado do Mato Grosso (27.279). O Acre ocupa o 7° lugar no ranking (6.6%), com 6.403 focos. Com a situação, o governo do Acre pediu reforço e enviou um documento a Brasília solicitando 30 homens da Força Nacional, no último dia 6 de setembro. Após autorização do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, homens das forças armadas chegaram ao estado para reforçar as equipes envolvidas nos trabalhos de combate e prevenção aos incêndios no estado. De acordo com a portaria, a atuação da Força Nacional seria até o dia 24 de setembro, mas o prazo de permanência foi prorrogado por mais 30 dias. Initial plugin text
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree