-->

2,6 mil venezuelanos e o Acre não consegue dar conta

04 Março 2020

venezuelanos acre #

Cena diária nos semáforos de Rio Branco – foto G-1

AnGA (gov do Acre)

Estado busca soluções para

imigração de venezuelanos nos municípios

Em todo o estado, segundo dados levantados pela Polícia Federal, existem aproximadamente, 2.600 imigrantes. A responsabilidade pelos refugiados é de cada município, contudo, o governo através da Secretaria de Estado de Assistência Social, dos Direitos Humanos e de Políticas para as Mulheres (SEASDHM), tem buscado auxiliar a gestão municipal através de parcerias e criando uma rede técnica de trabalho. A intenção é ajudar na resolução dos problemas mais urgentes, a começar pelos abrigos e casas de passagem.

(…)

“Temos hoje um grupo aproximado de 70 pessoas que estão alojadas em uma casa abandonada no bairro da base, um lugar insalubre, com risco de desmoronamento, sem qualquer estrutura. Encaminhamos um oficio para a Defesa Civil, que realizou uma vistoria do local e o resultado já está com a gestão do município. Também encaminhamos oficio ao Governo Federal solicitando apoio financeiro para co-financiar as prefeituras e garantir um lugar com o mínimo de dignidade a esses refugiados, estamos esperando agora uma resposta positiva para dar prosseguimento aos trabalhos”, explicou a diretora de Política de Direitos Humanos, Francisca Brito.

(…)

Em tempo: será que secretária de Empreendedorismo (uma falácia) do governo continua com o mesmo pensamento hostil aos estrangeiros que chegam ao Acre em busca de ajuda?

J R Braña B.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree