-->

Ferreira Gullar, Subversiva …’quando ela chega não respeita nada…’

31 Março 2020

ferreira gullar #

Esse que foi um grande poeta brasileiro viajou do pensamento e ações comunistas para o ocaso conservador….porém, sua poesia permaneceu revolucionária…viva!

Ferreira Gullar, em Subversiva

“A poesia
quando chega
não respeita nada.
Nem pai nem mãe.
Quando ela chega
de qualquer de seus abismos
desconhece o Estado e a Sociedade Civil
infringe o Código de Águas
relincha
como puta
nova
em frente ao Palácio da Alvorada”.

Trecho de Subversiva, de Ferreira Gullar pic.twitter.com/kCCGYi0YIH

— Minas Não Há Mais (@minasnaohamais) March 30, 2020

Em tempo: Fora, Bolsonaro!

J R Braña B.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree