-->

MP apura irregularidades em Santa Casa de Misericórdia do Acre após fiscalização

20 Mai 2019

CRM-AC apontou irregularidades na Santa Casa após vistoria feita em dezembro do ano passado. Direção do hospital garante que problemas já foram resolvidos. MP-AC abriu inquérito para apurar
irregularidades no hospital Reprodução/Google Street View A Santa Casa de Misericórdia do Acre é alvo de um procedimento preparatório do Ministério Público do Acre (MP-AC) por causa de irregularidades. A investigação iniciou após uma fiscalização do Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM-AC) em dezembro do ano passado. Em ofício, o CRM-AC apontou que, entre as irregularidades, o hospital não tinha prontuário eletrônico, faltava cadastro no CRM, alvará do Corpo de Bombeiros vencido, sala de atendimento com umidade, e até remédio vencido. Ao G1, o diretor do hospital, Danny Garate, explicou que a vistoria na unidade foi solicitada pela direção para que pudesse retirar o certificado de regularidade. Ele afirmou que os problemas já foram solucionados e o documento obtido em abril deste ano pelo conselho. “A gente já sanou todos os questionamentos do CRM-AC na época e já estamos até com o certificado de regularidade. Acredito que o CRM ainda não informou o Ministério Público. Apresentamos todos pontos que questionaram, sanamos alguns que precisavam ser sanados. Pegamos o certificado dia 22 de abril. Depois de 90 anos saiu o registro do hospital”, ressaltou. O decreto do procedimento foi divulgado nesta terça-feira (14) no Diário Eletrônico do MP-AC. O MP-AC pediu que sejam enviadas requisições para o CRM para ter mais informações da vistoria e das irregularidades. O documento destaca também que seja enviada uma notificação para o hospital para que apresente soluções para os questionamentos.
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree