-->

Dupla é condenada a mais de 46 anos por morte de adolescente com corte na garganta no AC

04 Junho 2019

Cada um dos acusados foi condenado a 23 anos e 4 meses de prisão em regime inicial fechado. Cristiano de Lima, de 16 anos, foi achado morto em dezembro
de 2017 no bairro Rosalinda. Adolescente foi achado morto no dia 30 de dezembro de 2017 no bairro Rosalinda, em Rio BrancoLillian Lima/Arquivo Pessoal Dois homens foram condenados a mais de 46 anos pela morte do adolescente Cristiano Rodrigues de Lima, de 16 anos, no dia 30 de dezembro de 2017, em Rio Branco. O corpo de Lima foi encontrado por populares com um corte na garganta em um terreno baldio no bairro Rosalinda, próximo à entrada do bairro Cidade do Povo. Na época do crime, o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) informou que Lima estava desaparecido desde o dia 29 de dezembro de 2017, um dia antes de ser achado. A polícia chegou a dizer que ele, aparentemente, não apresentava nenhum outro sinal de agressão, além do corte na garganta. Marcelo Pereira Barbosa e Francisco Leonardo Vieira foram condenados pelo crime de homicídio qualificado por motivo torpe, meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima. Cada um dos réus levou uma pena de 23 anos e 4 meses de prisão em regime inicial fechado. Ao G1, o advogado dos réus, Gustavo Saldanha, afirmou que não vai comentar sobre o caso. Conforme a Justiça do Acre, os dois acusados eram amigos da vítima e, inclusive, frequentavam a casa dele. Isso teria sido determinante para que eles conseguissem levar Lima até o local em que foi morto.
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree