-->

Equipes trabalham há 20 dias na retirada de balseiros e entulhos no Rio Acre

22 Agosto 2019

Equipes do Deracre trabalham diariamente no Rio Acre na retirada de lixo, entulho e balseiros. Equipes retiraram lixo e entulhos do Rio Acre, em Rio BrancoReprodução Com a seca
do Rio Acre, em Rio Branco, equipes trabalham na retirada de balseiros, lixos e entulhos que ficam encalhados no manancial. Trabalhadores do Departamento de Estradas de Rodagem, Infraestrutura, Hidroviária e Aeroportuária do Acre (Deracre) estão há mais de 20 dias no local fazendo limpeza. A seca do rio tem revelado um acúmulo de garrafas, pneus, sapatos, plásticos, latas e até máquina de lavar roupas, além de diversos entulhos, que são depositados nos igarapés e acabam parando às margens. Com o nível do manancial abaixo de um 1,60 metro, muito lixo fica acumulado próximo das pilastras da Ponte Juscelino Kubitschek, conhecida como Ponte Metálica. O presidente do Deracre, Ítalo Medeiros, explicou que esse trabalho é feito constantemente, mas no período de estiagem é intensificado devido aos balseiros. Equipes do Deracre retiram balseiros e entulhos do Rio Acre há mais de 20 dias “Expõe uma parte que a gente não consegue retirar quando a água está mais alta. Temos mais de 20 dias trabalhando lá, mas o volume não conseguimos mensurar. Estamos tirando tudo que vai juntando no pilar”, reforçou. Medeiros explicou que o trabalho é lento e cauteloso, de retirada também da areia que se acumula entre os balseiros. Cerca de seis pessoas trabalham diariamente na ação. Seca revela um acúmulo de lixo e entulhos no Rio Acre Reprodução
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree