-->

Youtuber amiga de filho compara Bolsonaro a ogro

05 Dezembro 2019
Karol Eller tem 79 mil seguidores no Youtube e 239 mil no Instagram. Somadas, as duas redes totalizam 6.022 publicações. Nas fotos, nos vídeos e nos textos, a youtuber aparece
posando com o presidente Jair Bolsonaro, seu filho Eduardo, além dos ministros Sergio Moro, Paulo Guedes e Damares Alves. A moça, recém-contratada com assessora da...
Twitter

Youtuber foi nomeada para EBC

Karol Eller tem 79 mil seguidores no Youtube e 239 mil no Instagram. Somadas, as duas redes totalizam 6.022 publicações. Nas fotos, nos vídeos e nos textos, a youtuber aparece posando com o presidente Jair Bolsonaro, seu filho Eduardo, além dos ministros Sergio Moro, Paulo Guedes e Damares Alves.

A moça, recém-contratada com assessora da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), onde receberá salário de R$ 10.700,00 pelo cargo, usa e abusa das redes para defender o governo, que em suas palavras “faz um trabalho excepcional” e “devolve a credibilidade ao pais”, e não para de repetir o bordão “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”.

Amiga próxima de Jair Renan, o caçula do clã, Karol aparece com o rapaz em suas postagens na residência e no carro oficiais do presidente. Em uma das publicações, na comemoração de 7 de Setembro, ela pega carona no veículo ao sair do desfile.

Com quase seis mil postagens na conta do Instagram, a menina tem colocado fotos na linha do tempo quase diariamente. Nos stories, também são produzidos diversos vídeos. Nas últimas 24 horas, foram 26. Neles, ela cantou, fez piada, filmou o chuveiro de casa e, com um terno preto e gravata, mostrou o almoço.

Recentemente, Karol também também aproveitou para defender o presidente em entrevista no canal do Youtube de Antônia Fontenelle. “Para mim, ele foi a única pessoa que defendeu minha história. Eu tentava contar e ninguém me ouvia. Eu me sentia suja, me sentia errada. Eu era culpada daquilo e era do demônio. Ele (Bolsonaro) pode ser o Shrek, aquele ogro que o Brasil precisa. Você ser um político bonzinho, para abraçar, isso aí o Lula já foi”, disse.

Homossexual, a jovem explicou que não pensa em trocar de sexo e que não vê diferença entre homofobia e preconceito.

“Homofobia é alguém que não suporta alguém, ela é agressiva. Preconceito é quando você tem o pré-conceito da figura do gay. E conservadorismo é quando você não tem nenhum preconceito, mas também você não quer pro teu filho. Que pai que quer ter o filho gay?”, questionou, ressaltando que não fala em nome da comunidade LGBT.

Em seu Instagram, ela publicou um vídeo abraçando Damares Alves, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, no último dia 19. Na postagem, a política faz propaganda de Karol: “Eu sigo ela, eu me inspiro nela, é uma mulher guerreira e valente”.

E Karol devolve a gentileza: “Eu que me inspiro na senhora, o Brasil inteiro também se inspira. Parabéns pelo trabalho”. Na legenda, a youtuber escreveu: “Uai, a ministra não era homofóbica?”

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree