-->

Investigado em Alagoas, maior assaltante de banco do nordeste é preso em São Paulo

20 Janeiro 2020
Um dos assaltantes de banco mais procurado da região Nordeste foi preso nesse fim de semana na Rua dos Timbiras, bairro da República, Centro de São Paulo. Segundo informações da
Polícia Civil paulista, o suspeito, de 37 anos, era procurado pela Justiça de Pernambuco e Rio Grande do Norte. Ele também era investigado pela Polícia...
SSP/SP

Delegado Márcio Fruet Ferreira

Um dos assaltantes de banco mais procurado da região Nordeste foi preso nesse fim de semana na Rua dos Timbiras, bairro da República, Centro de São Paulo.

Segundo informações da Polícia Civil paulista, o suspeito, de 37 anos, era procurado pela Justiça de Pernambuco e Rio Grande do Norte. Ele também era investigado pela Polícia Civil de Alagoas.

O acusado foi preso após um trabalho de investigação da Equipe de Intervenção Estratégica (EIE) da 3ª Delegacia Seccional Oeste, da capital paulista, que estava monitorando possíveis alvos de importantes.

“Nós [da EIE] fazemos monitoramento dos possíveis alvos de investigações importantes e criminosos que merecem maior atenção. Nos últimos dias recebemos informações de movimentação atípica de um indivíduo muito conhecido na região Nordeste por diversos roubos a instituições bancárias e intensificamos os trabalhos”, disse o delegado Márcio Fruet Ferreira de Araújo, titular da unidade.

Ainda conforme dados do delegado, o suspeito estava em um hotel de padrão médio e teria apresentado documentos falsos durante a abordagem. Ao ser questionado, ele se mostrou nervoso e apresentou informações inconsistentes até que acabou confessando que estava sendo procurado pela Justiça.

“Diante disso o prendemos em flagrante e o autuamos por uso de documento falso. Depois, contatamos as autoridades policiais dos Estados em que ele é procurado e também investigado, como Alagoas”, explicou o delegado.

Márcio Fruet acredita que o criminosos estava em São Paulo para cometer outros delitos. Após a prisão em flagrante, ele foi encaminhado à audiência de Custódia e posteriormente será levado a um Centro de Detenção Provisória (CDP). Pessoas que mantiveram contato com ele serão investigadas por meio de inquérito policial.


Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 7420 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree