-->

Fórum da Capital reabre para atendimento agendado ao público

14 Setembro 2020
O Fórum da Capital, do Judiciário de Alagoas, retomou as atividades presenciais com até 30% de servidores de cada unidade atuando no prédio, a partir desta segunda-feira (14). Além disso,
há agora a possibilidade de atendimento ao público, desde que agendado pelas Varas. A nova realidade foi regulamentada pelo Ato Normativo Conjunto nº 22, da...
Adeildo Lobo.

Adeildo Lobo.

O Fórum da Capital, do Judiciário de Alagoas, retomou as atividades presenciais com até 30% de servidores de cada unidade atuando no prédio, a partir desta segunda-feira (14). Além disso, há agora a possibilidade de atendimento ao público, desde que agendado pelas Varas.

A nova realidade foi regulamentada pelo Ato Normativo Conjunto nº 22, da Presidência e da Corregedoria-Geral de Justiça, que estabeleceu o início da Etapa Amarela do protocolo sanitário da Justiça diante da pandemia de Covid-19.

O prédio abriga 25 Varas Cíveis, 15 Criminais e mais 12 setores. “Além de a gente ter orientado a recepção para que as pessoas sejam bem atendidas, também temos o cuidado com a biossegurança para que todo mundo esteja bem protegido. Todos podem ficar tranquilos, porque os cuidados estão sendo tomados”, garante a diretora do Fórum, Rita Lemos.

Cerca de 500 servidores estão lotados no prédio, o que significa que haverá até 150, aproximadamente, trabalhando ao mesmo tempo no prédio. Os servidores todos estão utilizando máscaras, e os que atendem ao público, também dispõem um protetor facial (face shield), ou barreiras montadas nos balcões.

Há álcool em gel disponível nos corredores para o público, e também dentro das varas. As cadeiras dos corredores e salas de audiência não podem ser ocupadas na totalidade, conforme sinalização, para favorecer o distanciamento. Os elevadores devem ser utilizados por até quatro pessoas por vez. A temperatura das pessoas está sendo medida na entrada do prédio.

O Ato Normativo estabelece horário especial de funcionamento para o Fórum, das 13h ás 18h de segunda a quinta, e das 8h às 15h nas sextas-feiras. O funcionamento presencial será uma hora menor do que o padrão, mas o expediente dos servidores não será reduzido. Os servidores se revezarão, e devem cumprir o expediente de 6h alternando entre trabalho presencial e remoto.

A Etapa Amarela faz parte do retorno gradual do funcionamento do Poder Judiciário, já previsto pela Resolução nº 22 do TJAL, de 1º de junho de 2020. A mudança leva em conta a regressão da situação epidemiológica em Alagoas.

As sessões de julgamento e outros atos processuais continuarão ocorrendo preferencialmente de forma virtual.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree