-->

Corpo de vaqueiro desaparecido há um mês é encontrado em decomposição no Rio Araguari

07 Dezembro 2019

Suspeita da polícia de Cutias é de morte por afogamento. Sede da Polícia Técnico-Científica (Politec) do Amapá, em Macapá Maksuel Martins/Secom/Divulgação O corpo de um homem, identificado como Guilherme
Vaz da Costa, de 34 anos, foi encontrado em estado de decomposição no Rio Araguari, em área rural próximo à comunidade Santa Rosa, entre os municípios de Cutias e Tartarugalzinho. Costa era vaqueiro e estava desaparecido desde o dia 5 de novembro, segundo o Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciodes). A polícia de Cutias, que atendeu a ocorrência, trata o caso como morte por afogamento. O Ciodes detalhou que o corpo foi removido para a sede da Polícia Técnico-Científica (Politec) em Macapá para passar por necrópsia. Para ler mais notícias do estado, acesse o G1 Amapá.
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree