-->

Festa de Iemanjá será reconhecida como Patrimônio Imaterial de Salvador

19 Novembro 2019
Notificação Pública foi assinada pelo presidente da FGM, Fernando Guerreiro | Foto: Raphael Muller | Ag. A TARDE

A Festa de Iemanjá receberá o Registro Especial de Patrimônio Imaterial da cidade

de Salvador. O processo de estudo - visando a inscrição no Livro do Registro Especial dos Eventos e Celebrações - foi aberto pelo presidente da Fundação Gregório de Mattos (FGM), Fernando Guerreiro.

A Notificação Pública foi publicada no Diário Oficial do Município desta terça-feira, 19. O pedido do registro foi feito pela Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Bahia (OAB-BA).

Em fevereiro deste ano, a Ordem pediu o reconhecimento da festa ao Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac). Para o grupo, o registro é uma forma de proteger a manifestação cultural e religiosa afro-brasileira.

A festa

A comemoração da Festa de Iemanjá, uma divindade de origem africana, acontece no dia 2 de fevereiro na Bahia. A celebração para a rainha das águas tem destaque no bairro do Rio Vermelho, na orla marítima de Salvador, sendo considerada a maior manifestação religiosa pública do candomblé no estado.

comentários


Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 1175 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree