-->

Projeto que prevê disco inédito de Riachão será reformulado

31 Março 2020

‘Se Deus Quiser eu Vou Chegar aos 100’ era o nome do disco inédito que Riachão estava preparando para lançar esse ano, pelo edital Natura Musical. Mas a morte do artista

na madrugada de ontem, aos 98 anos, interrompeu temporariamente o projeto que foi será origado a seguir um novo caminho.
O nome irreverente, por exemplo, vai mudar, mas a essência de Riachão permanece: o samba.

O projeto contemplava shows, disco inédito e um site com coisas materiais de Riachão: entrevistas, discos, fotos, jornais guardados na casa dele e até troféu. “Ele estava felicíssimo com a gravação desse disco, estava super alegre”, conta Paulinho Timor, 37, produtor musical do álbum inédito e sambista que trabalhava com Riachão desde 2013.

Nome que já acompanhou bambas como Beth Carvalho, Martinho da Vila e Velha Guarda da Portela, Paulinho explica que há muito tempo queria registrar o acervo de Riachão, que inclui cerca de 80 músicas inéditas e um total de 500 composições.

“Ele nos deixou um legado desde o final da década de 30 e passou por tudo: rádio, TV em preto e branco e TV colorida”, justifica.Riachão estava terminando de escolher o repertório, apesar de não saber muito bem quais músicas ainda não tinham sido gravadas, porque para ele se tinha apresentada na rádio estava devidamente registrada.

Há pouco menos de um mês, o artista ia entrar na fase de gravar a voz, mas a epidemia do coronavírus adiou os planos. Agora, Paulinho conta que está revendo o projeto para fazer uma merecida homenagem ao sambista.Martinho da Vila deve participar do disco que tem uma música inédita em sua homenagem.

O trabalho também trará uma canção sobre o bairro do Garcia, o craque Pelé e a cantora Claudete Macêdo, que Riachão dizia ser “a melhor que ele tinha conhecido”, conta Paulinho. “Vamos fazer a homenagem que ele merece. Foi o cara de maior alegria que conheci na vida, maior exemplo de artista. Admiração muito grande a esse grande mestre”, elogia o produtor.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree