-->

Irmã se diz “chocada” com assassinato de jovem que caçava jacarés

18 Novembro 2019

A irmã mais velha do jovem Luan de Araújo Barbosa, de 26 anos, morto após sair para pescar e caçar jacaré, em Goiânia (GO), relatou ao portal

G1 que a família ainda tenta entender o que aconteceu e que todos estão assustados com o crime. 

De acordo com informações da Polícia Técnica-Científica, o jovem foi assassinado com dois tiros na cabeça. Dois cachorros que o acompanharam durante a pesca também foram mortos.

“Estamos todos muito chocados e tristes pela situação. Não temos ideia do que aconteceu. Ele não tinha rixa com ninguém, nenhuma briga. Aí acontece isso. Minha mãe tem depressão e isso está piorando a situação dela”, relatou. 

Mais sobre o assunto

“Ele gostava de pescar, acampar, ir para chácara, sempre estava próximo da natureza”, acrescentou a irmã do jovem.

As equipes do Corpo de Bombeiros percorreram 7 km a pé e com um bote até localizar a vítima no último sábado (16/11/2019). Ele estava desaparecido havia seis dias. O corpo de Luan foi encontrado sobre o Rio Meia Ponte, próximo à ponte da GO-020, na divisa com o município de Senador Canedo.

A família ainda aguarda a liberação do corpo do jovem, o que ainda não havia ocorrido até a manhã desta segunda-feira (18/11/2019). Ainda não há informações sobre velório e sepultamento.


Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 1545 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree