-->

Concreto Coffee Crew: nova cafeteria abre as portas na Asa Norte

19 Novembro 2019

A Asa Norte ganhou, no último domingo (17/11/2019), uma nova cafeteria, a Concreto Coffee Crew. Ainda operando em sistema de soft opening, a casa se desenha no bloco

C da quadra 111 Norte com traços retos e muito cinza do material que dá nome ao empreendimento.

Apesar da clara conexão com a estética da fundação de Brasília, o nome da casa diz sobre a concretização do sonho dos sócios Pyetro Ponte, Ilze Hellen, Pedro Barriolo e Robson Anselmo. O quarteto passou por uma primeira experiência no Café Cafuné, no Guará e, após o encerramento das atividades da antiga casa, os amigos planejaram o conceito da Concreto por alguns meses até encontrar o ponto na Asa Norte.

Concreto Coffee Crew: nova cafeteria abre as portas na Asa Norte
Concreto Coffee Crew: nova cafeteria abre as portas na Asa Norte
5 FOTOS
Concreto Coffee Crew
1/5

Os sócios da Concreto Coffee Crew, Pedro Barriolo, Ilze Hellen, Pyetro Ponte e Robson AnselmoRobson Anselmo/Divulgação

Concreto Coffee Crew
2/5

A casa oferece sete métodos de extração de café: entre eles, é claro, o espresso (R$ 6,50)Robson Anselmo/Divulgação

Concreto Coffee Crew
3/5

O cardápio ainda conta com cappuccino (R$ 15)Robson Anselmo/Divulgação

Concreto Coffee Crew
4/5

A casa oferece o cappuccino vegano (R$ 16), elaborado com leite vegetal da casa, feito com amendoim e extrato de baunilhaRobson Anselmo/Divulgação

Concreto Coffee Crew
5/5

Toda a decoração da casa – e a louça – é inspirada no concretoRobson Anselmo/Divulgação

“Interpretamos como uma transferência de operação. Sempre tivemos muitos sonhos e ideias, e queríamos colocar em prática, trabalhar para que se tornasse algo material, concreto… Acredito que o café especial tem disso: o que conhecemos no mercado não é o real. O café real é o especial, 100% arábica. É o café concreto. Foi pensando nisso que abrimos o café”, descreve Pyetro.

Nos moinhos da casa, grãos das torrefações Mokado, Marama e Oop. Além do espresso, a casa oferece os métodos coado pernambucano, Hario V60, Kalita, Origami, prensa francesa e aeropress: os cafés custam entre R$ 6,50 e R$ 15, a depender do preparo e do volume da bebida.

Mais sobre o assunto

Entre as comidinhas, Pyetro destacou a Bella Focaccia (R$ 16): uma fatia da focaccia de alecrim feita na padaria do Lago Norte é levada ao forno com um blend de queijos minas e requeijão de lasca, coberta com um confit de tomate. A porção de pão de queijo (R$ 8) pode ser convertida em pão de beijo (R$ 9), a versão vegana do quitute feita com batata baroa ou abóbora. Para as formiguinhas, o bolo da casa (R$ 8 a fatia) é uma pedida, além do brownie de chocolate (R$ 12).

Concreto Coffee Crew
111 Norte, Bloco C, Loja 43. De segunda a domingo, das 13 às 20h

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree