-->

Incubadora tecnológica para startups pode ser criada em Vila Velha

05 Dezembro 2019
5 de dezembro de 2019
- Redação Multimídia ESHOJE

Curta, comente e compartilhe!

A Prefeitura de Vila Velha enviou à Câmara de Vereadores o projeto de lei nº 045/2019, que trata da criação de uma incubadora de empresas de base tecnológica, a TecnoVila. A ideia é atrair startup, além de criar modelos de negócios de base tecnológica e de gerenciamento de pesquisas para atendimento aos serviços públicos.

“A incubadora de empresas proposta será um mecanismo de fomento ao empreendedorismo na cidade. Proporcionará um ambiente de troca de informações e aprendizados, visando transformar uma ideia em um negócio, além da criação de ambientes especializados na geração e no desenvolvimento de empreendimentos”, explicou a secretária municipal de Desenvolvimento Urbano e Mobilidade (Semdu), Caroline Jabour.

Na via das cidades inteligentes, o município acompanha tendências das metrópoles modernas. Há mais de uma década, por exemplo, o país passa pela regulamentação de programas voltados ao incentivo da inovação e desenvolvimento tecnológico, tais como a Lei Federal de Inovação (Lei nº 10.973/04).

A proposição ainda visa ordenar o Planejamento Urbano e de Gestão Territorial do município. O projeto de lei compõe a regulamentação do Plano Diretor Municipal, juntamente com outras normas, tais como a Lei de Mobilidade, a Lei de Regularização Fundiária (Lei 6.206/19), e a Lei de Regularização de Edificações (Lei 6.207/19).

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree