-->

Delegado Waldir nega que haverá fusão entre PSL e DEM

12 Novembro 2019

Deputado federal diz que único movimento é da saída de Bolsonaro e Flávio

Delegado Waldir Soares

| Foto: Fernando Leite / Jornal Opção

O deputado federal Delegado Waldir negou nesta terça, 12, ao Jornal Opção que há um movimento de fusão entre o PSL, partido que é presidente em Goiás, e o DEM. Segundo o parlamentar goiano o único movimento possível agora é da saída do presidente Jair Bolsonaro e de Flávio Bolsonaro. Não há janela possível para a troca.

A possibilidade de fusão entre os dois partidos é aventada há alguns meses, tanto por Luciano Bivar, presidente nacional do PSL, quanto pelo presidente do DEM, ACM Neto. Em seu blog a jornalista Andréia Sadi diz que há gestos de bastidores de Bivar a Rodrigo Maia. No entanto, diz que não abandonará o governo Bolsonaro.

Delegado Waldir protagonizou uma das maiores crises no PSL desde que Bolsonaro foi eleito. Em meados de outubro disse, em áudio vazado, que iria “implodir” o presidente. A declaração de Waldir ocorreu após Bolsonaro ter articulado a troca na liderança da sigla na Câmara dos Deputados. Eduardo Bolsonaro assumiu a liderança do partido na Casa.

Relacionado

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree