-->

Atuação Consultiva no Profisco II é tema de evento inédito da Esap

22 Mai 2020

Historicamente é a primeira ação completamente virtual que a escola da PGE promoverá

Campo Grande (MS) – Em tempos de grandes desafios, especialmente, ocasionados pela pandemia do

novo coronavírus (Covid-19), a Escola Superior de Advocacia Pública (Esap), da Procuradoria-Geral do Estado (PGE), realizará uma ação inédita na segunda-feira (25.5), das 14h30 às 16h30.

Pela primeira vez, a Esap promoverá um evento exclusivamente online. A “Oficina de Atuação Consultiva – Profisco II” será ofertada para todos os procuradores do Estado que atuam nos setores da Procuradoria de Assuntos Administrativos (PAA), da Procuradoria de Assessoria de Gabinete (PAG) e da Coordenadoria Jurídica da Superintendência de Compras (Sucomp). Também poderão participar os assessores jurídicos da PAA.

O prazo para as inscrições começaram no último dia 19 e terminam nesta sexta-feira (22.5). Os interessados podem acessar o link http://www.cursos.ms.gov.br/Esap e garantir a vaga. A convidada palestrante é a procuradora-Geral Adjunta para Assuntos Administrativos, Paula Ferreira Krieger, da PGE do Rio Grande do Sul.

O objetivo do evento é esclarecer e atualizar os procuradores sobre o Profisco II. Além disso, a proposta é de também provocar o debate de experiências e o levantamento de casos práticos envolvendo a atividade consultiva jurídica no Profisco II.

Profisco

O Profisco (Projeto de Apoio à Gestão e Integração dos Fiscos do Brasil) é o projeto de apoio à modernização e gestão fiscal dos estados brasileiros para iniciativas de melhoria da administração das receitas e da gestão fiscal, financeira e patrimonial. Financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), conta com garantia soberana do Governo Federal.

O Governo de Mato Grosso do Sul passou pela primeira onda de modernização do fisco, no final da década de 90 e início da primeira década do século 21. Atualmente, o Estado está participando do Profisco II que tem como objetivo principal aprofundar e consolidar os sucessos alcançados na primeira edição.

Nesta segunda etapa serão investidos em cinco anos no Mato Grosso do Sul, US$ 53 milhões. Desse total US$ 47,7 milhões são de recursos obtidos junto ao BID e US$ 5,3 milhões será a contrapartida do Estado. O projeto regional tem caráter ambicioso e objetivo de trabalhar transversalmente com modelo de governança desafiador, integrado que pretende uma automação dos processos e indicadores de performance, gerenciados automaticamente.

Durante todo o processo a PGE possui um importante papel em relação ao desenvolvimento desse projeto, na medida em que atuará no Consultivo das aquisições de produtos e serviços financiados com esses recursos, o que evidencia a necessidade de capacitação dos procuradores do Estado que atuarão nessa modalidade.

Karla Tatiane – Procuradoria-Geral do Estado (PGE)
Arte: Cássia Mara

Deixe seu Comentário

Veja Também

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree