-->

Segunda fase de vacinação contra o sarampo começa nas cidades da Zona da Mata e Vertentes

18 Novembro 2019

Ação tem como foco a imunização de jovens com idades entre 20 e 29 anos. Boletim publicado na semana passada confirma mais de 10 casos nas regiões. Cidades
da Zona da Mata e Campo das Vertentes realizam a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo Reprodução/EPTV As cidades da Zona da Mata e Campo das Vertentes realizam a partir desta segunda-feira (18) a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo. O foco são jovens com idades entre 20 e 29 anos. (Veja abaixo os locais de imunização) De acordo com o último boletim epidemiológico, divulgado pelo G1 na semana passada, nas regiões foram confirmados 12 casos da doença nas duas regiões neste ano, sendo que metade deles foram registrados em Juiz de Fora (Confira os dados abaixo) Neste ano, a campanha foi dividida em duas etapas nos municípios da região, conforme orientação do Ministério da Saúde. Em outubro, foram vacinadas crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos. No dia 4 de novembro, o G1 mostrou que a cobertura na primeira fase da vacinação atingiu a meta nas cidades da Zona da Mata e Campo das Vertentes. Vinte e oito cidades da região chegaram aos 95%, de acordo com a Superintendência Regional de Saúde. Segunda fase A segunda fase da Campanha Nacional começou nesta segunda e segue até o último dia deste mês. Já o Dia D de vacinação está marcado para ocorrer no dia 30 de novembro em todo o país. Horário de funcionamento das salas de vacinação nas cidades. Confira: Juiz de Fora Unidades Básicas de Saúde (UBSs): segunda a sexta-feira nos horários de 8h às 10h30 e 13h30 às 16h. PAM Marechal: segunda a sexta-feira de 8h às 15h30 Muriaé A Prefeitura de Muriaé informou que as doses serão aplicadas de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h30, nas unidades de saúde da cidade e distritos. Segunda-feira: imunização nas UBSs dos bairros Santana, Aeroporto, Santa Terezinha, Dornelas, Belisário e Marambaia Terça-feira: UBSs dos bairros Gaspar, Joanópolis, Santo Antônio, Policlínica do Safira e Boa Família Quarta-feira: UBSs dos bairros São Pedro, São Francisco, Porto e José Cirilo Quinta-feira: UBSs dos bairros São Gotardo, Inconfidência, Barra II, Bom Jesus da Cachoeira e Vermelho Sexta-feira: UBSs dos Barra I, Planalto, São Cristóvão, Cardoso de Melo, Itamuri, Primavera e Patrimônio São José Ubá De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, as vacinas estão disponíveis em todas as unidades de Atendimento Primário à Saúde (UAPS) e na Policlínica Regional. Para ser imunizado é indispensável a apresentação do cartão de vacina, cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e documento de identidade. Barbacena Conforme a Prefeitura de Barbacena, todas as UBSs participam da ação. No dia de mobilização nacional, no dia 30 de novembro, as unidades estarão abertas das 8h às 17h para a vacinação. Viçosa Policlínica: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h; PSF São José do Triunfo: de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h; Divisão de Saúde da Universidade Federal de Viçosa (UFV): de segunda a sexta-feira, das 13h30 às 16h30; Nos postos do Programa de Saúde da Família (PSF) que têm sala de vacina: 8h às 10h30h e das 13h às 16h. Além disso, os bairros terão um esquema de funcionamento especial. Confira: Na terça-feira ocorre a vacinação nos seguintes postos do PSF: Cachoeirinha, Nova Viçosa/Posses, São José Barrinha/C. Nova, Bom Jesus 1, Bom Jesus 2, Santa Clara 1 e Santa Clara 2 Na quarta-feira: PSF Novo Silvestre, Silvestre, Santo Antonio 1 e Santo Antonio 2 Na quinta-feira: PSF São José Barrinha/C. Nova, Nova Era, Amoras, São Sebastião e João Braz Na sexta-feira: PSF de Nova Viçosa/Posses Casos da região No último boletim epidemiológico, a Secretaria do Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) constatou que o município de Juiz de Fora chegou a seis casos confirmados de sarampo neste ano. Outros quatro seguem em investigação. Ainda conforme os dados, o município de Mercês registrou o primeiro caso de sarampo. Além das duas cidades, Visconde do Rio Branco, Ubá, Viçosa e Além Paraíba contabilizam um caso em cada. Sarampo na Zona da Mata e Vertentes Recomendações Todas as crianças acima de seis meses até 11 meses e 29 dias devem receber uma dose da tríplice viral. A chamada dose zero não é considerada válida para o esquema vacinal de rotina. Isso quer dizer que, a criança deve receber novamente a vacina aos 12 e 15 meses, observando o intervalo mínimo de 30 dias para revacinação. Para as demais faixas etárias, a recomendação permanece a mesma. São necessárias duas doses para quem tem até 29 anos de idade. Acima desta idade, é necessária apenas uma dose. Quem não tiver se vacinado ou não tem o registro no cartão de vacina, deve procurar uma unidade de saúde para ser imunizado. Criança recebe a vacina Tríplice Viral contra sarampo, caxumba e rubéola Mariana Raphael/Saúde-DF Saiba sobre a doença O sarampo é uma doença viral, infecciosa aguda, grave, transmissível, altamente contagiosa e comum na infância. A doença começa inicialmente com febre, exantema (manchas avermelhadas que se distribuem de forma homogênea pelo corpo), sintomas respiratórios e oculares. Atualmente, o país enfrenta surto de sarampo em São Paulo, Rio de Janeiro e Pará. Veja quem deve se vacinar contra o sarampo Antes considerado um país livre do sarampo, o Brasil perdeu o certificado de eliminação da doença concedido pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) em fevereiro deste ano, após registrar mais de 10 mil casos em 2018. Saiba mais sobre o sarampo Arte/G1

Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 299 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree