-->

Cidades do Centro-Oeste de MG estão em alerta por causa da chuva; alagamentos são registrados

23 Janeiro 2020

Inmet informou que mais de 30 cidades podem ser afetadas nesta sexta-feira (24). Veja como os Municípios estão se preparando para a possível ocorrência de danos. Defesa Civil emitiu
alerta de tempestade para cidades do Centro-Oeste nesta quinta-feira (24) Reprodução/TV Integração A chuva desta quinta-feira (23) causou pontos de alagamentos em várias cidades da região Centro-Oeste de Minas, incluindo Divinópolis, Pará de Minas e Nova Serrana. Ainda na região, mais de 30 municípios estão em alerta de tempestade severa prevista para esta sexta-feira (24), segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Pará de Minas Em Pará de Minas o registro mais significativo de chuva ocorreu durante a manhã desta quinta. Ruas ficaram alagadas e uma morto chegou a ser arrastada. Veja no vídeo abaixo. Alagamentos são registrados durante fortes chuvas em Pará de Minas A assessoria de comunicação informou que o prefeito se reuniu com representantes da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar (PM), para tratar dos problemas da chuva nesta quinta-feira (23) e preparar ações referentes à previsão de chuva para esta sexta. Nessa reunião foi criado um Gabinete de Comando e Gerenciamento de Crises por causa da chuva. Pelo menos oito localidades estão em monitoramento e alerta. Entre eles: a Lateral da AABB, Rotatória da Cardial Rolina, Ponte do Água Limpa, Região Santanense e Vila Nossa Senhora Aparecida. Haverá desvios no trânsito próximo ao Cine Café e no entorno. As quadras dos bairros Dom Bosco, Fernando Otávio, Padre Greví foram preparadas para receber desalojados. De acordo com o capitão do Corpo de Bombeiros, Lucas Ribeiro Maia foi feita uma revisão do plano de contingência. Todas as viaturas dos bombeiros foram equipadas com boias, colete salva vida, motosserras e refletores. Geradores também estarão à disposição. O efetivo de folga e de férias do Corpo de Bombeiros na cidade está de sobreaviso. Divinópolis Em Divinópolis a chuva desta quinta, alagou vários pontos, incluindo a região do Bairro Bom Pastor. Telespectadores enviaram imagens das ruas próximas ao Hemominas, que ficaram intransitáveis. Região do Bairro Bom Pastor em Divinópolis João Chaves/Arquivo Pessoal Plano de Ação Um Plano de Ação para resolver problemas relacionados à chuva em Divinópolis foi divulgado nesta quinta-feira (23) pela Defesa Civil durante uma reunião com membros da Prefeitura, Polícia Militar (PM) e Corpo de Bombeiros. Uma chuva intensa foi registrada na cidade nesta quinta e há previsão de mais chuva para a Divinópolis e região nas próximas 72 horas. Apesar disso, o Secretário de Trânsito e Coordenador da Defesa Civil na cidade, Marcelo Augusto, disse ao MG1 que não é necessário pânico porque todos os pontos considerados críticos na cidade estão sendo monitorados. “É um plano extraordinário e vai até a segunda-feira (27) devido as previsões que temos de chuva moderada a intensa. Nós estabelecemos um efetivo de servidores da Prefeitura que está em alerta, justamente para auxiliar os demais órgãos, tanto a Polícia Militar (PM) como o Corpo de Bombeiros nessas ações que possam acontecer nas próximas 72 horas, com a previsão de chuva”, disse o secretário. Ainda de acordo com o Secretário, a Defesa Civil do Estado divulgado por volta das 10h que a previsão era de aumento do volume de chuva durante a tarde e principalmente à noite. “Estamos fazendo o monitoramento do Rio Itapecerica, que está tranquilo, e também estamos atentos aos pontos de encosta e de alagamento que temos registros de problema na cidade. Também estamos orientando a população, em especial a ribeirinha, sobre ações de segurança em caso de possíveis incidente”, acrescentou o secretário. Nova Serrana Em Nova Serrana, a Rua Lelis Camilo, no Bairro Jardins do Lago, ficou alagada. O G1 solicitou informações à Defesa Civil da cidade sobre as ocorrências registradas em decorrência da chuva nesta quinta-feira (23) e os possíveis alertas emitidos para esta quinta e sexta. Perguntou ainda quais as áreas de risco na cidade e qual o plano de contingência para o período chuvoso. Até o fechamento da reportagem os questionamentos não foram respondidos. Pontos de alagamento foram registrados em Nova Serrana Thiago Monteiro/O Popular Formiga Em Formiga não há registros de ocorrências por conta da chuva e nem registro de pontos de alagamentos até a tarde desta quinta. No entanto, a Defesa Civil do município fez um alerta quanto ao aumento do volume de água da chuva previsto para sexta-feira. O órgão, que já realizou reuniões com o Corpo de Bombeiro para tratar de providências para o período chuvoso, informou que a previsão é de que em apenas no dia de amanhã a precipitação seja de 50 milímetros, o mesmo volume já registrado neste mês, do dia 1º até esta quinta-feira. Segundo a coordenadora da Defesa Civil, Vera Moreira, diante da previsão, é recomendado que a população que mora próxima a rios e córregos e debaixo ou acima de barrancos tenha cuidado, porque o volume das águas de aumentar consideravelmente. “Até o momento não houve deslizamentos de terra em Formiga, porém a chuva constante pode propiciar o acontecimento. A Defesa Civil recebe informações diárias, não importa o horário", disse. Ela também esclareceu que a administração Municipal está em alerta e todas as informações serão repassadas à população. "Sejamos conscientes ao colocar o lixo no horário da coleta para que os recipientes não obstruam bueiros, não deixem os carros embaixo de árvores nem se abriguem debaixo delas. Vamos, sem pânico, fazendo a nossa parte e passando por esse período chuvoso com cuidado”, destacou Vera. Ainda de acordo com a coordenadora, dezembro foi pouco chuvoso, totalizando 79.6 milímetros de precipitação. Em dois dias foram registrados 26 milímetros de água. Qualquer situação adversa, os moradores podem comunicar a Defesa Civil pelo telefone (37) 99132-0230, a Secretaria de Obras pelo número (37)3329-1846 e a Secretaria de Meio Ambiente no telefone (37) 3329-1803. Frente fria No inicio desta semana o G1 noticiou a chegada de uma frente fria no Centro-Oeste de Minas com possibilidade de chuva. A situação, inclusive, fez com que o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) publicasse uma aviso de perigo potencial para chuvas intensas. A partir desta quarta-feira (22), a previsão era para a possibilidade de aumento das chuvas para toda a região. O meteorologista do Climatempo, Ruibran dos Reis informou que com a chegada da frente fria, o volume de chuva esperado até sexta-feira (24) é de mais de 120 milímetros (mm). Alerta Entre as cidades com alerta de chuvas intensas estão: Divinópolis, Bom Despacho, Nova Serrana, Itaúna, Pompéu, e Pará de Minas. Confira a lista completa.

Em breve novidade aqui!!!

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree