Imprimir esta página
-->

Cidades do Centro-Oeste de MG estão em alerta por causa da chuva; alagamentos são registrados

23 Janeiro 2020

Inmet informou que mais de 30 cidades podem ser afetadas nesta sexta-feira (24). Veja como os Municípios estão se preparando para a possível ocorrência de danos. Defesa Civil emitiu
alerta de tempestade para cidades do Centro-Oeste nesta quinta-feira (24) Reprodução/TV Integração A chuva desta quinta-feira (23) causou pontos de alagamentos em várias cidades da região Centro-Oeste de Minas, incluindo Divinópolis, Pará de Minas e Nova Serrana. Ainda na região, mais de 30 municípios estão em alerta de tempestade severa prevista para esta sexta-feira (24), segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Pará de Minas Em Pará de Minas o registro mais significativo de chuva ocorreu durante a manhã desta quinta. Ruas ficaram alagadas e uma morto chegou a ser arrastada. Veja no vídeo abaixo. Alagamentos são registrados durante fortes chuvas em Pará de Minas A assessoria de comunicação informou que o prefeito se reuniu com representantes da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar (PM), para tratar dos problemas da chuva nesta quinta-feira (23) e preparar ações referentes à previsão de chuva para esta sexta. Nessa reunião foi criado um Gabinete de Comando e Gerenciamento de Crises por causa da chuva. Pelo menos oito localidades estão em monitoramento e alerta. Entre eles: a Lateral da AABB, Rotatória da Cardial Rolina, Ponte do Água Limpa, Região Santanense e Vila Nossa Senhora Aparecida. Haverá desvios no trânsito próximo ao Cine Café e no entorno. As quadras dos bairros Dom Bosco, Fernando Otávio, Padre Greví foram preparadas para receber desalojados. De acordo com o capitão do Corpo de Bombeiros, Lucas Ribeiro Maia foi feita uma revisão do plano de contingência. Todas as viaturas dos bombeiros foram equipadas com boias, colete salva vida, motosserras e refletores. Geradores também estarão à disposição. O efetivo de folga e de férias do Corpo de Bombeiros na cidade está de sobreaviso. Divinópolis Em Divinópolis a chuva desta quinta, alagou vários pontos, incluindo a região do Bairro Bom Pastor. Telespectadores enviaram imagens das ruas próximas ao Hemominas, que ficaram intransitáveis. Região do Bairro Bom Pastor em Divinópolis João Chaves/Arquivo Pessoal Plano de Ação Um Plano de Ação para resolver problemas relacionados à chuva em Divinópolis foi divulgado nesta quinta-feira (23) pela Defesa Civil durante uma reunião com membros da Prefeitura, Polícia Militar (PM) e Corpo de Bombeiros. Uma chuva intensa foi registrada na cidade nesta quinta e há previsão de mais chuva para a Divinópolis e região nas próximas 72 horas. Apesar disso, o Secretário de Trânsito e Coordenador da Defesa Civil na cidade, Marcelo Augusto, disse ao MG1 que não é necessário pânico porque todos os pontos considerados críticos na cidade estão sendo monitorados. “É um plano extraordinário e vai até a segunda-feira (27) devido as previsões que temos de chuva moderada a intensa. Nós estabelecemos um efetivo de servidores da Prefeitura que está em alerta, justamente para auxiliar os demais órgãos, tanto a Polícia Militar (PM) como o Corpo de Bombeiros nessas ações que possam acontecer nas próximas 72 horas, com a previsão de chuva”, disse o secretário. Ainda de acordo com o Secretário, a Defesa Civil do Estado divulgado por volta das 10h que a previsão era de aumento do volume de chuva durante a tarde e principalmente à noite. “Estamos fazendo o monitoramento do Rio Itapecerica, que está tranquilo, e também estamos atentos aos pontos de encosta e de alagamento que temos registros de problema na cidade. Também estamos orientando a população, em especial a ribeirinha, sobre ações de segurança em caso de possíveis incidente”, acrescentou o secretário. Nova Serrana Em Nova Serrana, a Rua Lelis Camilo, no Bairro Jardins do Lago, ficou alagada. O G1 solicitou informações à Defesa Civil da cidade sobre as ocorrências registradas em decorrência da chuva nesta quinta-feira (23) e os possíveis alertas emitidos para esta quinta e sexta. Perguntou ainda quais as áreas de risco na cidade e qual o plano de contingência para o período chuvoso. Até o fechamento da reportagem os questionamentos não foram respondidos. Pontos de alagamento foram registrados em Nova Serrana Thiago Monteiro/O Popular Formiga Em Formiga não há registros de ocorrências por conta da chuva e nem registro de pontos de alagamentos até a tarde desta quinta. No entanto, a Defesa Civil do município fez um alerta quanto ao aumento do volume de água da chuva previsto para sexta-feira. O órgão, que já realizou reuniões com o Corpo de Bombeiro para tratar de providências para o período chuvoso, informou que a previsão é de que em apenas no dia de amanhã a precipitação seja de 50 milímetros, o mesmo volume já registrado neste mês, do dia 1º até esta quinta-feira. Segundo a coordenadora da Defesa Civil, Vera Moreira, diante da previsão, é recomendado que a população que mora próxima a rios e córregos e debaixo ou acima de barrancos tenha cuidado, porque o volume das águas de aumentar consideravelmente. “Até o momento não houve deslizamentos de terra em Formiga, porém a chuva constante pode propiciar o acontecimento. A Defesa Civil recebe informações diárias, não importa o horário", disse. Ela também esclareceu que a administração Municipal está em alerta e todas as informações serão repassadas à população. "Sejamos conscientes ao colocar o lixo no horário da coleta para que os recipientes não obstruam bueiros, não deixem os carros embaixo de árvores nem se abriguem debaixo delas. Vamos, sem pânico, fazendo a nossa parte e passando por esse período chuvoso com cuidado”, destacou Vera. Ainda de acordo com a coordenadora, dezembro foi pouco chuvoso, totalizando 79.6 milímetros de precipitação. Em dois dias foram registrados 26 milímetros de água. Qualquer situação adversa, os moradores podem comunicar a Defesa Civil pelo telefone (37) 99132-0230, a Secretaria de Obras pelo número (37)3329-1846 e a Secretaria de Meio Ambiente no telefone (37) 3329-1803. Frente fria No inicio desta semana o G1 noticiou a chegada de uma frente fria no Centro-Oeste de Minas com possibilidade de chuva. A situação, inclusive, fez com que o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) publicasse uma aviso de perigo potencial para chuvas intensas. A partir desta quarta-feira (22), a previsão era para a possibilidade de aumento das chuvas para toda a região. O meteorologista do Climatempo, Ruibran dos Reis informou que com a chegada da frente fria, o volume de chuva esperado até sexta-feira (24) é de mais de 120 milímetros (mm). Alerta Entre as cidades com alerta de chuvas intensas estão: Divinópolis, Bom Despacho, Nova Serrana, Itaúna, Pompéu, e Pará de Minas. Confira a lista completa.
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree