-->

Juiz de Fora é definida como cidade de referência para tratamento do coronavírus na Zona da Mata

01 Abril 2020

Escolha foi feita em reunião entre Ministério Público e órgãos de saúde. Também foram definidos hospitais para primeiro atendimento e triagem em cidades da região. Hospital João Penido em
Juiz de Fora é um dos hospitais de referência Eliane Moreira/G1 A cidade de Juiz de Fora foi definida como referência para o tratamento do novo coronavírus na Zona da Mata. A escolha foi feita durante uma reunião nesta quarta-feira (1º) entre o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), a Superintendência Regional de Saúde de Juiz de Fora, órgãos e instituições de saúde de diversas cidades da região. Na cidade, foram escolhidos três hospitais de referência: Hospital e Maternidade Santa Therezinha de Jesus (HMTJ), Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora (HU-UFJF) e Hospital Doutor João Penido. Juntos, esses hospitais contam atualmente com 29 leitos preparados para receber pacientes com a Covid-19. Além da definição dos hospitais de referência, a Superintendência de Saúde separou grupos de cidades que terão hospitais para primeiro atendimento. As cidades mais próximas a Juiz de Fora terão como primeiro atendimento para casos de coronavírus a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Bairro São Pedro. Hospitais nas cidades de São João Nepomuceno, Bicas, Mar de Espanha, Lima Duarte, Rio Preto, Andrelândia e Bom Jardim de Minas estão capacitados para realizar os primeiros atendimentos e a triagem. O MPMG também sinalizou a possibilidade do Hospital de Santos Dumont também se tornar referência na região para os casos de coronavírus, já que também conta com leitos de UTI. Initial plugin text
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree