-->

Após repercussão negativa, Operário desiste de contratar Bruno

22 Janeiro 2020

Decisão foi tomada na tarde desta quarta-feira (22); mulheres realizaram ato na noite de terça (Foto:Reprodução)

O goleiro Bruno Fernandes que não será mais contratado pelo Operário
O

Operário de Várzea Grande desistiu de contratar o goleiro Bruno Fernandes para a temporada 2020.

A informação consta em nota encaminhada pelo clube à imprensa na tarde desta quarta-feira (22).
“Pelo presente, viemos comunicar que o Clube Esportivo Operário Várzea-Grandense não contratará o atleta Bruno Fernandes das Dores de Souza”, diz trecho da nota.

Assim que surgiram notícias de que o goleiro Bruno Fernandes poderia ser contratado pelo Operário, ativistas do movimento feminista repudiaram a negociação.
Leia Também:Justiça de MG dá aval para que goleiro Bruno more em Várzea Grande e trabalhe em time de futebol

*Sicredi veta uso da marca pelo Operário de VG, após contratação do goleiro Bruno

*“Assassino não pode ser ídolo”: mulheres protestam contra Bruno no Operário; vídeo

Além disso, patrocinadores masters do Campeonato Mato-grossense de Futebol pediram para que seus nomes não estampassem a camisa do clube.

Nesta terça-feira (21), antes da estreia do clube no campeonato, no Estádio Dito Souza, dezenas de mulheres protestaram contra a contratação do goleiro.
A dona de casa Sonia Moura,  mãe da modelo Eliza Samúdio, que foi morta a mando do goleiro, também fez um apelo para que o time revisse sua decisão.

Bruno, que já defendeu o Flamengo e o Corinthians, foi preso em setembro de 2010 e condenado em março de 2013 a mais de 20 anos de prisão pelo homicídio triplamente qualificado da modelo, com quem ele teve um filho.
Ele conseguiu a progressão de pena do regime fechado para o semiaberto em 19 de julho do ano passado após uma decisão da 1ª Vara Criminal e de Execuções Penais de Varginha (MG).
Na última sexta-feira (17), a Justiça de Minas Gerais havia autorizou o goleiro a cumprir a pena em Mato Grosso e trabalhar no clube.
Veja a nota do Operário:


Por:Midia News

Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do JFP (JORNAL FOLHA DO PROGRESSO) Telefones: WhatsApp (93) 98404 6835- (93) 98117 7649.

“Informação publicada é informação pública. Porém, para chegar até você, um grupo de pessoas trabalhou para isso. Seja ético. Copiou? Informe a fonte.”
Publicado por Jornal Folha do Progresso, Fone para contato 93 981177649 (Tim) WhatsApp:-93- 984046835 (Claro) -Site: WWW.folhadoprogresso.com.br   E-mail:Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. e/ou e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Curtir isso:

CurtirCarregando...

Relacionado


Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 1514 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree