-->

Os segredos do Tomate Pelado

19 Novembro 2019

Como o tomate pelado italiano vem da Itália até a sua mesa? A gente conta no Infográfico. Pra chegar até a sua mesa, o Pomodoro Pelati, em italiano,
passa por um criterioso processo de elaboração: a matéria-prima tem que ser perfeita e a produção deve que obedecer às rigorosas regras italianas. O “pelati” tem formato alongado, cor mais intensa e menos sementes, além de ser mais carnudos do que os outros tipos da fruta.Fruta? Sim, tomate é uma fruta que, por sinal, é da mesma família da berinjela, das pimentas, dos pimentões e até das batatas. A origem são as Américas do Sul e Central, mas ele se deu bem mesmo na Itália, onde chegou lá pelo século XVI. Lá começou a ser chamado de pomo d’oro, pois as primeiras espécies exportadas pareciam maçãs douradas. Os italianos se apaixonaram tanto pela maravilhosa combinação de suculência, doçura e acidez que o tomate até hoje é a cara da Itália. História do tomate Se hoje o tomate é quase unanimidade, no passado a fruta foi jogada literalmente na fogueira. Por superstição, achavam que ele continha veneno por se assemelhar à mandrágora, planta chamada de “maçã do diabo”. Enviado para a Europa lá pelo século XVI, o tomate aparece primeiramente em receitas na Sevilha, Espanha. Depois foi para a Itália, onde levou o nome de “pomo d’oro”, já que pareciam maçãs douradas. Os italianos se apaixonaram pela iguaria e hoje o tomate é a cara da Itália. Nesse infográfico a gente conta como que o tomate pelado italiano chega até a sua mesa. Os segredos do tomate pelado animado

Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 1255 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree