-->

Bombeiros do Paraná vão combater focos mais críticos de incêndio do Pantanal, diz comandante

16 Setembro 2020

Equipe de 32 bombeiros vai se dividir entre o município de Corumbá e o Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari, no Mato Grosso do Sul. Bombeiros do Paraná
chegam ao Mato Grosso do Sul Os bombeiros do Paraná que foram ao Mato Grosso do Sul reforçar as ações de combate às queimadas no Pantanal vão atuar nos dois principais focos de incêndios ambientais da região, informou o comandante da força-tarefa paranaense, o tenente-coronel Ezequias de Paula Natal. "Designaremos duas equipes. Uma para Corumbá e outra para o Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari, locais estes com a maior incidência de incêndios florestais aqui no Mato Grosso do Sul", afirmou o comandante. O Corpo de Bombeiros do Paraná também vai auxiliar na operação de combate aos incêndios com sete caminhões e outros equipamentos, como abafadores, bombas e um drone. Funcionários de uma fazenda são vistos próximos ao fogo em uma fazenda no Pantanal, em Poconé (MT) Amanda Perobelli/Reuters A princípio, a equipe de bombeiros do Paraná deve ficar na região por 15 dias, mas o prazo pode ser prorrogado, dependendo da complexidade do trabalho no local dos incêndios. O comandante afirmou que a ação vai além da preservação do meio ambiente. “É uma questão de saúde também. Diminuir os focos de incêndio significa menos quantidade de fumaça no ar, com reflexo imediato na respiração das pessoas”, comentou Natal. Destruição O parque em que parte do grupo vai atuar é a mais importante reserva de Cerrado do Mato Grosso do Sul. Está na transição entre Cerrado e Pantanal, tem muitas nascentes e ainda faz parte do complexo de 15 áreas que formam a reserva da biosfera da região. O incêndio já destruiu quase 30% da extensão total do parque. Segundo o Centro Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais (Prevfogo) do Ibama, em 2020, a estimativa é que área total das queimadas chegue a 1,45 milhão de hectares. Por causa da situação, o governo federal decretou situação de emergência na região. Initial plugin text Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree