-->

Com12,84% de reajuste professores de Timon receberão acima do piso nacional

21 Fevereiro 2020

Os professores da rede municipal de Timon vão continuar a receber uma remuneração maior do que o piso nacional. Isso é mais uma demonstração da valorização dos profissionais do magistério do

município e do comprometimento da Prefeitura de Timon com a educação. O reajuste salarial foi autorizado na última quarta-feira (19/02) pelo poder legislativo, que aprovou o projeto de Lei Nº 001/2020, de autoria do Poder Executivo Municipal de Timon, que concedeu reajuste de 12,84% aos professores municipais e 4,1% aos servidores administrativos da educação básica.

Atividades na 1ª escola Bilíngue de Timon marca abertura do ano letivo

Atividades na 1ª escola Bilíngue de Timon marca abertura do ano letivo

Com o reajuste, a menor remuneração para os professores com carga horária de 40h será de R$ 3.607,80, o que significa 25% a mais do que o piso nacional. Para professor com 20h, em Timon, a menor remuneração será de R$ 2.147,90, que significa 49% a mais que o piso nacional. Dentro do Plano de Cargos, Carreiras e Salários do magistério de Timon, um professor em final de carreira pode chegar a receber R$ 16.551,11. Atualmente, o piso nacional para 40h é de R$ 2.886,24 e o de 20 horas é de R$ 1.443,12.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Dinair Veloso, essa conquista salarial só valoriza ainda mais o professor. “Todas essas conquistas só tornaram Timon um exemplo na educação. Os resultados são frutos de investimentos do município. A Prefeitura tem se preocupado em garantir não apenas o aumento constitucional do reajuste salarial, mas, simultaneamente, ela tem investido na melhoria da formação dos professores e dos demais profissionais da rede municipal de Educação”, explica Dinair.

Um dos exemplos desse investimento no ensino/aprendizado é o programa Educar pra Valer, que somente em 2019 beneficiou 166 professores e 250 gestores escolares com formações continuadas, assessoria técnica e pedagógica. Além disso, 5.195 alunos do 2º e do 5º ano do ensino Fundamental também participaram diretamente do programa, que neste ano ainda beneficiará os estudantes do 1º ano do ensino Fundamental.

Nos últimos anos, a educação também ganhou com a construção de mais de 165 novas salas de aula, sete novas escolas e nove novas creches, 25 escolas ampliadas, 100% das escolas reformadas e mais de 40 mil refeições diárias distribuídas aos alunos. “Desde o seu primeiro mandato, o prefeito Luciano Leitoa realiza uma série de políticas de valorização da educação e dos educadores, investindo tanto na parte estrutural das escolas quanto na qualificação dos professores e dos alunos”, ressalta Dinair Veloso.

PARA VISUALIZAR NA ÍNTEGRA AS FOTOS DESTA MATÉRIA ATRAVÉS DE DISPOSITIVO MÓVEL, COLOQUE-O NA POSIÇÃO HORIZONTAL.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree