-->

Lockdown parcial começa na próxima quinta-feira (2) no Piauí

29 Junho 2020

As medidas rígidas de isolamento social para o enfrentamento a pandemia do novo coronavírus, o

lockdown parcial”, deve começar na próxima quinta-feira (02/07) e seguir até o domingo (05/07) no Piauí. A ampliação do isolamento foi anunciada pelo governador Wellington Dias (PT) após deliberação do Comitê Emergencial do Governo do Estado na tarde desta segunda-feira (29/07).

Nas semanas anteriores, as medidas tinham validade no sábado e domingo, contudo, a necessidade de contenção da Covid-19 para que a retomada das atividades econômicas aconteçam a partir da segunda-feira, 6 de julho, levou o governo a adotar um isolamento mais restritivo em todo o estado.

Governador Wellington Dias (Foto: Divulgação)

Segundo o governado Wellington Dias, entre as medidas está restrição para o funcionamento de supermercados epostos de combustíveis. “Aprovamos que devemos fazer agora um esforço nessa quinta, sexta, sábado e domingo com uma restrição em relação aos serviços essenciais. Vai ter um regramento aos setores de abastecimento, de alimentação e também de combustíveis”, disse o chefe do executivo estadual.

“O objetivo é contar a transmissibilidade do coronavírus para que a partir da próxima segunda-feira tenhamos a liberação de setores relacionados a construção civil, dia 13 de julho o setor automotivo, e com isso a gente poder ter na reunião do dia 6 de julho a condições de analisar novos setores”, completou Wellington. O decreto com as novas restrições deve ser publicado amanha. O governador anunciou ainda para esta terça-feira (30/06) a publicação do protocolo para a retomada da construção civil.

Retomada em Teresina

O prefeito Firmino Filho (PSDB) apresentou durante coletiva na tarde de hoje o protocolo para a retomada das atividades econômicas que deve iniciar na segunda-feira, 6 de julho. A flexibilização acontece em quatro etapas e com uma série de restrições. O gestor revelou ainda que pela primeira vez a pesquisa sorológica apontou que a quantidade de pessoas que testaram positivo é a mesma da fase anterior, o que mostra que a doença alcançou o pico e deve apresentar queda a partir de agora.

Compartilhar no
Por: Otávio Neto

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree