-->

Clubes de futsal se unem e alegam descaso; Federação rebate: ‘Somos amadores’

29 Junho 2020

Os últimos meses tem sido de isolamento social e principalmente de muitas

indefinições na cabeça daqueles que fazem parte do esporte no Brasil. Apesar de não ser uma das prioridades do país, aos poucos as modalidades começam a se movimentar e o planejar é parte chave no momento. Nos últimos dias os representantes dos clubes de futsal do estado do Piauí se uniram e escreveram nota e também gravaram vídeos alegando descaso por parte da Federação Piauiense de Futsal com a retomada da modalidade.


Em video representantes alegam descaso com modalidade

Em um dos trechos eles citam a necessidade dos clubes estarem preparados para quando a retomada seja autorizada. ‘A pandemia veio e trouxe uma série de problemas a toda população mundial. Isolamento, distanciamento, proibição às atividades esportivas, dentre tantos outros. Mesmo em meio a inúmeras adversidades, as mais variadas categorias tem se empenhado no planejamento e organização de suas atividades, para que quando a retomada seja autorizada, possam estar preparadas para implementar as medidas de higiene e saúde em prevenção da COVID-19’, diz a nota dos clubes.

‘A federação é amadora, não temos recursos. Infelizmente nos não temos como forçar um processo de retomada se não temos sequer ginásios para realizadas as atividades. Temos muitos nomes no meio que gostam de criticar e fingem não saber da realidade do Piauí’, declarou o presidente Marcos Said.

Federação fala em dificuldades financeiras (FOTO; Jailson Soares)

Os times alegam que reuniões nacionais e a nível nordeste foram realizadas nos últimos meses-online, mas que a Federação Piauiense não esteve presente em nenhuma delas. Além disso, cobram uma reunião dos próprios clubes com a federação. A federação afirma ter participado de duas reuniões nacionais a respeito das mudanças de regras na modalidade e que foi repassado aos clubes de imediato.

Algumas semanas a Confederação Brasileira de Futsal liberou calendário para o segundo semestre, com retomada da modalidade a partir do dia 15 de agosto e com competição nacional, no caso, Taça Brasil de Clubes, acontecendo na capital Teresina, entre os dias 4 e 10 de outubro. O JES deve ser o representante do estado. ‘Eu sinceramente não vejo grandes possibilidades do estado receber a competição, pois nosso único ginásio, o verdão, é hospital de campanha’, afirmou Said.

De acordo com o atual presidente da Federação Piauiense, Marcos Said, uma reunião com clubes acontece nesta terça-feira,30, onde serão definidos as competições que ainda podem ser realizadas nesta temporada.

Compartilhar no
Por: Pâmella Maranhão - Jornal ODia

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree