-->

Live em depósito de vereador de Teresina é interrompida pela polícia

05 Julho 2020

Após vizinhos denunciarem a aglomeração de pessoas sem máscaras, policiais do Batalhão de

Polícia Ambiental interromperam uma “live” das bandas Kalouros e Ronielly dos Teclados, realizada na noite de ontem (4) em um depósito pertencente ao Major Paulo Roberto (PL), vereador de Teresina.

“Os moradores denunciaram. A live foi encerrada e o som foi apreendido, pois estava ocorrendo aglomeração também, as pessoas sem máscaras e infração sanitária”, esclarece o tenente-coronel Carlos Henrique Teixeira sobre a operação, que registrou princípio de tumulto, como mostra alguns vídeos que circulam na internet.


O tenente-coronel explica que após a chegada da viatura no local, foi preciso solicitar reforço para contornar a situação. Na imagem, o vereador e sua esposa rebatem a ação dos agentes de segurança, esta última inclusive aparece sendo gravada sem consentimento avisando que ligaria para os “superiores” dos policiais.


LEIA TAMBÉM:

Polícia acaba com festas em bairros da zona Sudeste de Teresina


Ao Portal O Dia o parlamentar explicou que, embora não tenha relação alguma com a organização do evento a não ser o fato de ter cedido o espaço para apresentação, lamentou a forma como os policiais agiram. “Desrespeitaram aqueles músicos que estavam fazendo uma live beneficente para arrecadar cestas básicas”, pontuou.

Vereador, que cedeu o espaço para apresentação das bandas, nega as acusações (Foto: Assis Fernandes/ODIA)

Questionado sobre o procedimento durante a abordagem, o tenente-coronel evitou comentar se houve desacato por parte do vereador . Além da apreensão dos equipamento de som das bandas, a policia realizou um Termo Circunstanciado de Ocorrência por perturbação de sossego.

Ex-militar, Major Paulo Roberto que nega que houve descumprimento das normas de segurança e afirma que irá abrir uma representação dos agentes na Corregedoria da Polícia. “Não só eu, minha mulher que foi filmada, os cantores e os familiares dos cantores, porque eles foram humilhados. Eles não agiram da forma certa”, disse.

Compartilhar no
Por: Breno Cavalcante

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree