-->

Em meio à pandemia, Altos faz ‘limpa’ no time e desliga cinco atletas

07 Julho 2020

Durante os mais de 100 dias sem bola rolando no futebol

piauiense os clubes aproveitam o tempo para reorganizar a casa. O Altos tem trabalhado em sigilo, mas essa semana o clube confirmou o desligamento de cinco jogadores do atual elenco. De acordo com a diretoria do clube, a mesma quantidade de peças será contratada nas próximas semanas. O Jacaré vive a expectativa de retorno aos gramados através da disputa da Série D do Brasileiro e encerramento do Campeonato Piauiense, competição que paralisou com Altos na liderança.

Raphael Carioca não faz mais parte do elenco [FOTO; Luis Junior]

O lateral-direito Diego, o atacante Raphael Carioca, os meias Pablo Moisés e Rivaldo e o zagueiro André Bahia não fazem mais parte do elenco 2020. Todas as peças tem em comum o fato de terem sido pouco utilizadas pelo técnico Fernando Tonet ou sofrer algum tipo de lesão. A diretoria do clube afirma que mais nomes devem ser desligados da equipe nos próximos dias.

‘A decisão foi tomada entre treinador e presidente (Warton). Todos eles foram comunicados pelo contador do clube essa semana. Vamos aguardar mais um pouco para fechar as novas contratações, mas as conversas e analises dos nomes já está sendo feita’, disse supervisor de futebol do Altos, Castelo.

O meia Pablo moises também está entre os nomes desligados [FOTO; Luís Junior]

Sem previsão de quando retorna aos gramados as dispensas também vão ser uma forma de aliviar a folha salarial, que atualmente já é reduzida ao pagamento dos atletas somente o valor assinado em carteira. O time espera o posicionamento da CBF para retomar as atividades visando a quarta divisão.

O Altos está no Grupo 2 do torneio nacional junto com; Moto Club-MA, Juventude-MA, São Raimundo-RR, Luverdense-MT, Santos-AP, River-PI e o vencedor do confronto entre Baré-MT e Ypiranga-AP.

Dentro do Campeonato Piauiense o Altos é atual líder, com 21 pontos e luta por um tricampeonato. O time recebeu o repasse da CBF no valor de R$ 120,00 mil reais no começo da pandemia, que segundo a diretoria do Jacaré foi usado para quitar os débitos com os jogadores.

Compartilhar no
Por: Pâmella Maranhão - Jornal ODia

É permitida a reprodução deste conteúdo (matéria) desde que um link seja apontado para a fonte!

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree