-->

Polícia Civil flagra esquema de furto de gás natural em posto de combustíveis em Cabo Frio, no RJ

16 Novembro 2019

Caso foi descoberto nesta sexta-feira (15) após denúncias. Segundo a polícia, medidor permanecia parado, ou seja, estava bloqueado enquanto as bombas abasteciam os carros. Polícia Civil flagra esquema
de furto em posto de combustíveis em Cabo Frio, no RJ A Polícia Civil flagrou um posto de combustíveis que furtava gás natural veicular nesta sexta-feira (15) no bairro São Cristóvão, em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio. Os agentes comprovaram que o medidor permanecia parado, ou seja, estava bloqueado enquanto as bombas abasteciam dezenas de carros. De acordo com a Civil, a investigação aponta que cerca de R$ 200 a R$ 250 mil em GNV foram furtados com a fraude. Segundo o delegado da 126ª Delegacia de Polícia (DP), Sérgio Caldas, as investigações duraram cerca de 15 dias após denúncias de que o posto estava ocultando gás. Barril ficava na frente do medidor, segundo informou a Polícia Civil de Cabo Frio, no RJ Reprodução/ Inter TV Em um vídeo, o delegado explica que o relógio estava parado e o posto estava aquecendo normalmente. "O esquema era esse aqui, o barril ficava na frente então se você chegasse aqui no portão, não via o relógio parado, só iria ver se tirasse o barril. Através dessa artimanha, eles conseguiram subtrair grande quantidade de gás e nós já estamos com uma investigação em andamento e vamos apurar qual o valor aproximado desse furto, a pericia criminal já foi executada e confirmou o crime", disse o delegado. O dono do posto de combustíveis foi indiciado por furto qualificado pela fraude e as bombas foram interditadas, ainda segundo a Polícia Civil. O G1 tenta contato com a defesa do suspeito. Veja outras notícias da região no G1 Região dos Lagos.

Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 879 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree