-->

Nova Friburgo decreta situação de emergência por conta dos estragos causados pela chuva

03 Janeiro 2020

Segundo a Prefeitura, decreto foi publicado na noite desta sexta-feira (3) no Diário Oficial. Defesa civil está em estado de alerta na Região Serrana do Rio A Prefeitura de
Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, decretou situação de emergência por conta dos estragos causados pela chuva que atinge a região desde a tarde desta quinta-feira (2). Segundo a assessoria do município, o decreto foi publicado no Diário Oficial na noite desta sexta (3). De acordo com a Defesa Civil, choveu na cidade um terço da quantidade esperada para o mês. Nas últimas 24h, foram cerca de 84 milímetros em algumas regiões da cidade. No começo da tarde, uma barreira interditou a Estrada Serramar, entre Nova Friburgo e Casimiro de Abreu. O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) disse que está enviando equipe ao local para desobstruir a via. Chuva forte alaga ruas em três municípios da região serrana do Rio No entorno do estadio Eduardo Guinle ainda foi possível ver uma grande quantidade de água acumulada nesta sexta. Já na rua Alameda Marques de Maricá, no Parque São Clemente, o problema foi com o buraco que se abriu no local. E na rua Jardel Hottz, bem em frente, parte da pista que cedeu na semana passada não foi consertada e nem isolada. Motorista cai com o carro na rua Farinha Filho, em Nova Friburgo, no RJ Reprodução redes sociais No bairro Vale dos Pinheiros, uma cratera se abriu na Rua Maria José Dutra de Castro com a rua Waldemar interrompendo o acesso a um condomínio desde quinta. A chuva forte da tarde desta quinta-feira (2) abriu uma cratera no bairro Vale dos Pinheiros, em Nova Friburgo, impedindo o acesso a um condomínio Reprodução redes sociais O bairro Suspiro também teve problema com buracos na rua Farinha Filho, que virou um rio. Próximo ao bairro Jardim Califórnia, um carro ficou ilhado e por pouco não foi totalmente invadido pela água. E no bairro Santa Bernadete, cinco pessoas ficaram isoladas devido a um deslizamento de terra, mas ninguém se feriu. Segundo a empresa de ônibus que presta serviço na cidade, 12 linhas tiveram o trajeto alterado ou interrompido. E no distrito de Amparo, os ônibus só estão indo até a metade do caminho. Além de Nova Friburgo, Petrópolis e Teresópolis também entraram em estágio de atenção. Segundo a Defesa Civil de Petrópolis, a cidade possui 234 pontos de risco, áreas em que os moradores devem ter ainda mais atenção por conta da possibilidade de inundação e queda de barreiras. Na chuva desta quinta, uma galeria de águas pluviais se rompeu atrás de um condomínio, na rua Vereador Carlos Canedo, em Pedro do Rio. Seis apartamentos foram interditados e os moradores tiveram que ir para a casa de parentes. O volume de água também deixou pedestres e motoristas ilhados no Centro Histórico de Petrópolis. Foram 148 mm de chuva em apenas quatro horas. Em Teresópolis, os bairros Ermitage e Bom Retiro também tiveram ruas alagadas. A rua João Raposo de Rezende, no bairro Tijuca, começou a ceder e foi interditada após vistoria técnica da Defesa Civil nesta quinta-feira. Veja outras notícias da região no G1 Região Serrana.

Em breve novidade aqui!!!

Usuário(s) Online

Temos 7020 visitantes e Nenhum membro online
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree