-->

Governo do RJ exonera Pedro Fernandes e muda o comando de mais duas secretarias

16 Setembro 2020

Secretário de Educação preso havia se afastado por estar com Covid e, agora, foi exonerado. Ciência e Tecnologia será comandada pela professora Maria Isabel de Castro de Souza; engenheiro
Uruan Cintra de Andrade assume a Secretaria de Cidades. Witzel e Pedro Fernandes durante campanha em 2018; governador está afastado e secretário foi exonerado Cristina Boeckel/G1 O Governo do Estado do Rio de Janeiro publicou na edição desta quarta-feira (16) do Diário Oficial mudanças feitas pelo governador em exercício, Cláudio Castro, em duas secretarias. Além disso, o secretário Estadual de Educação Pedro Fernandes, preso na semana passada, foi exonerado do cargo. Pela manhã, foi publicado no D.O. o afastamento dele por 15 dias, devido à Covid-19 – doença que impediu que fosse também para a cadeia, ficando em prisão domiciliar. À tarde, foi publicado um decreto com a exoneração de Pedro Fernandes. Decreto de Cláudio Castro que exonerou Pedro Fernandes Reprodução A pasta de Ciência e Tecnologia será comandada pela professora universitária Maria Isabel de Castro de Souza e o engenheiro Uruan Cintra de Andrade assume a Secretaria de Cidades. Além disso, ele responderá interinamente pela Secretaria de Trabalho e Renda. Maria Isabel de Castro de Souza é doutora em Odontologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Foi Subsecretária de Ciência e Tecnologia e presidente da Faperj. Tem experiência em Odontopediatria, Saúde Coletiva e telessaúde. Uruan Cintra de Andrade é engenheiro formado pela Universidade Gama Filho. Ele tem experiência nas áreas de Gestão, Comercial, Operacional e de Equipamentos da extinta Telerj. Também foi gestor de Projetos Estratégicos de Infraestrutura no Detran-RJ. Assumiu a presidência do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Rio de Janeiro (DER-RJ) em janeiro de 2019. Governador em exercício faz mudanças nas secretarias do estado Mudanças em secretarias do RJ foram publicadas no Diário Oficial Reprodução/ Diário Oficial do RJ Mudanças administrativas Para reduzir gastos, Algumas secretarias serão absorvidas por outras pastas. As secretarias de Vitimados e Extraordinária da Covid, o RioPrevidência e o Instituto Rio Metrópole perderão status e passarão a compor estrutura de outras secretarias. A ideia é promover uma redução prevista de 40% dos cargos comissionados. De acordo com o novo planejamento, a antiga Secretaria de Vitimados passa a fazer parte da estrutura da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos. O Rio Previdência ficará subordinado à Secretaria de Fazenda. A Secretaria de Saúde recebe a antiga Secretaria Extraordinária da Covid. Já o Instituto Rio Metrópoles será incluído na estrutura da Secretaria das Cidades. Na segunda (14), Cláudio Castro já tinha mudado o comando da Polícia Civil e de outras três secretarias. O delegado Allan Turnowski é o novo secretário estadual da corporação. O procurador Bruno Dubeux substitui Reinaldo Silveira no comando da Procuradoria-Geral do RJ. Francisco Ricardo Soares assume o comando da Controladoria-Geral do Estado, antes a cargo de Hormindo Bicudo Neto. O delegado federal Marcelo Bertolucci assume o Gabinete de Segurança Institucional, até então chefiado pelo contra-almirante José Luiz Corrêa.
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree