-->

Operação prende dois suspeitos e apreende armas, drogas e cigarros contrabandeados no Seridó potiguar

04 Fevereiro 2020

Ação batizada de 'Serra de Santana' foi realizada na madrugada desta terça (4) em Cerro Corá e Lagoa Nova. Fábrica de armas foi encontrada em um local alvo de
mandado. Armas apreendias durante a Operação Serra de Santana, no Seridó potiguar MP/Divulgação Uma operação deflagrada na madrugada desta terça-feira (4) para combater a atuação de uma organização criminosa na região do Seridó potiguar prendeu duas pessoas e apreendeu drogas, armas, cigarros contrabandeados e dinheiro. Ação batizada de "Serra de Santana" foi realizada pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte em conjunto com a Polícia Militar. Ao todo, 19 mandados de busca e apreensão foram cumpridos nas cidades de Lagoa Nova e Cerro Coró. Nos locais, foram apreendidos cocaína, maconha, quatro espingardas do tipo soqueira montada e cinco armas caseiras desmontadas, além de caixas de cigarros contrabandeados. Segundo o MP, uma fábrica de armas artesanais funcionava em um dos endereços alvos da operação. A operação Serra de Santana contou com a participação de promotores de Justiça, servidores do MPRN e 70 policiais militares. Caixas de cigarros apreendidas durante a operação MP/Divulgação
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree