-->

Feira livre da Zona Oeste de Natal volta a funcionar após suspensão e registra aglomerações

29 Março 2020

No bairro de Cidade da Esperança, neste domingo (29), barracas estavam mais afastadas e feirantes usavam máscaras, mas ainda aconteceu aglomeração de pessoas. Feira de Cidade da Esperança, na
manhã deste domingo Geraldo Jerônimo/Inter TV Cabugi A feira livre que acontece na manhã deste domingo (29), no bairro Cidade da Esperança, Zona Oeste de Natal, registrou pontos de aglomerações durante a comercialização nas bancas. Evitar aglomerações é uma das principais recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para conter o avanço da Covid-19. O movimento dos feirantes acontece após a Prefeitura de Natal recuar e liberar o funcionamento das feiras livres, que havia sido suspenso por uma semana. No sábado (28), após decisão do Executivo local as feiras retornaram com algumas restrições e cuidados como montagem das bancas respeitando uma distância de dois metros e a proibição da presença de feirantes idosos. Mesmo assim, os locais tiveram aglomerações. MAPA DO CORONAVÍRUS: as cidades com infectados e o avanço dos casos Acompanhe as notícias sobre coronavírus no RN em tempo real Veja mudanças no funcionamento de órgãos públicos e outros serviços no RN Bancas na feira livre de Cidade da Esperança Geraldo Jerônimo/Inter TV Cabugi Foi assim na Feira do Alecrim, no sábado, e na Feira de Cidade da Esperança, neste domingo. No movimento da Zona Oeste, alguns feirantes e clientes usavam máscaras e álcool em gel. As barracas também estavam mais afastadas umas das outras. Apesar disso, feirantes idosos foram trabalhar e muitas pessoas estavam concentradas no local. A reportagem também não constatou a presença de fiscais do município, que deveriam verificar se as recomendações estavam sendo seguidas. A liberação para o funcionamento das feiras foi informada na sexta-feira (26), exatamente uma semana após elas terem sido suspensas em Natal. No Rio Grande do Norte, a primeira morte causada pelo novo coronavírus foi registrada na noite de sábado (28). No mesmo dia, o estado contabilizou 45 casos confirmados e 1.130 suspeitos para a Covid-19. Initial plugin text
We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree